O sorriso do bode

Comentários
841 visitas

 

Cervejaria paranaense leva ouro no Mondial de la Bière

por Mauricio Beltramelli*

MONTRÉAL - Ele já foi chamado de louco, exibido, falastrão e uma série de adjetivos pouco ou nada lisonjeiros. Porém, é de se constatar um fato inegável: Ele sempre dá a volta por cima. “Show me the beer!”, canta o cético. Samuel Cavalcanti mostra sua cerveja, e cala as bocas mais detratoras. Obstinados, estudiosos e, sobretudo, apaixonados, Samuel e seu irmão Paulo fizeram da curitibana Bodebrown uma das microcervejarias mais cultuadas do cenário cervejeiro nacional. Os resultados não tardam: A breja Imperial Stout acaba de levar a medalha de ouro no Mondial de la Bière de Montréal, que está acontecendo de 6 a 10 deste mês no Canadá.

O concurso dentro do festival tradicionalmente concede poucas medalhas, cujo julgamento não obedece os estilos das cervejas, sendo premiadas as que melhor se apresentarem aos jurados. Veja na imagem a seguir as demais vencedoras:

 

Por aqui, encontramos uma cidade empenhada em fazer o maior festival cervejeiro do mundo, com mais de cem mil visitantes degustando cerca de 500 cervejas de quatro continentes. O clima é de festa, e as grandes estrelas são as brejas artesanais canadenses, que surpreendem a cada descoberta (alô, importadores!).

Confira a seguir as imagens do terceiro dia do Mondial de la Bière:

 

*Mauricio Beltramelli, editor do BREJAS, está em Montréal a convite da Cervejaria Colorado.

Comentários

  1. Leo Sewald disse:

    O Samuel é um cara sensacional, inspiração para todos os cervejeiros do pais. Viva la revolucion!!

  2. Renato. disse:

    Já ouvi muita gente falando mau mesmo desse cara, mas ele tem o meu respeito e merce o de toda a comunidade cervejeira. QUER CRITICAR, FAÇA MELHOR.

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: brejas@brejas.com.br

Cursos do Brejas

Participe dos cursos de cerveja do Brejas

  • Fabricação de Cerveja Caseira
  • Estilos e Degustação de Cerveja