Os 10 melhores bares com cervejas especiais da capital paulista

Comentários
23.247 visitas

frango

O site da revista Veja São Paulo elegeu os 10 melhores bares para se degustar cervejas especiais na capital paulista. Veja abaixo os eleitos:

- FRANGÓ: O bar já foi matéria da seção “Bares que Amamos” do BREJAS (veja AQUI). É a melhor carta de cervejas da cidade, com cerca de 250 rótulos. Entre uma golada e outra, prove as famosas minicoxinhas de frango com catupiry. Largo Nossa Senhor do Ó, 168 – Freguesia do Ó, fone (11) 3932-4818.

- ASTERIX: A lista de brejas beira os 200 nomes com marcas de dezesseis países diferentes. No cardápio de petiscos, destaque para a linguiça de javali acebolada. Alameda Joaquim Eugênio de Lima, 573 – Cerqueira César, fone  (11) 3368-5610.

- ANHANGUERA: O cardápio do bar só tem espaço para as microcervejarias brasileiras, e oferece 95 rótulos de oitos estados do país. Na seção dos petiscos, bolinhos de risoto de galinha caipira com pequi. Rua Aspicuelta, 595 – Vila Madalena, fone  (11) 3031-2888.

- DRAKE´S: Além do chope, uma carta com cerca de 150 rótulos de cervejas nacionais e importadas está à disposição. Na sobremesa, sorvete de Guinness com calda preparada com a própria bebida e farofa de castanha-de-caju. Rua Tucumbira, 163 (Centro Brasileiro Britânico) – Pinheiros, fone (11) 3812-4477.

- LAUS BEER: O lugar é um misto de bar e loja. Ali é possível degustar as cervejas da carta ou comprar e levá-las para casa.Entre as brejas nacionais e importadas, são aproximadamente 130 rótulos. Para petiscar, bolinhos de quatro queijos envoltos com gergelim. Rua Fernandes Moreira, 384, Chácara Santo Antônio, fone  (11) 3567-0569.

- PIER 1327: A carta de cervejas traz cerca de 140 rótulos. Acompanhe a bebida com uma porção de linguiça recheada de provolone e orégano na chapa. Para quem quiser aprender a arte da cervejaria, o espaço montou uma minifábrica e oferece cursos com 10 horas de duração, diluídas em quatro aulas. Rua Joaquim Távora, 1327 – Vila Mariana, fones (11) 5539-6213 e (11) 2597-7231.

- TORTULA: Um misto de bar, lanchonete e padaria, o Tortula tem uma oferta de mais de 200 loiras, ruivas e morenas de diferentes nacionalidades. Se a idéia é bebericar por ali mesmo, vai bem a cerveja na companhia de calabresa acebolada. Avenida Santo Amaro, 4371 – Brooklin, fone  (11) 5091-6680.

- BEZERRA: Na carta deste legítimo botequim, quase cem rótulos de brejas nacionais e importadas. Para comer, costela assada no bafo com mandioca pré-cozida e batata frita. Rua Coriolano, 800 – Vila Romana, fone  (11) 3862-4646.

- EMILIANO: Localizado dentro do hotel Emiliano, entre o lobby e o restaurante, está o elegante e sossegado bar com decoração em tons claros e luz amena. A lista de cervejas tem mais de vinte opções, de cinco países diferentes, incluindo o Brasil. Para beliscar, tábua de queijos variados. Rua Oscar Freire, 384 – Jardim Paulista, fone  (11) 3068-4393.

- PARALELO 12:27: São 43 brejas da lista entre gringas e brasileiras. Acompanhe com uma porção de calabresa flambada na cachaça. Rua Joaquim Távora, 1227 – Vila Mariana, fone  (11) 5579-1227.

Fonte: Portal Veja São Paulo. Veja a reportagem completa AQUI.

Aproveite que hoje é sexta-feira, escolha o seu endereço e lance-se à degustação! No dia seguinte, prolongue a brincadeira, dando notas e comentários às brejas que experimentou no nosso Ranking de Cerveja.

E não deixe de conhecer o Bar Brejas em Campinas/SP, originado a partir deste site e, obviamente, dedicado a cervejas especiais e à cultura cervejeira.

Comentários

  1. Renato Vialto disse:

    Fim de semana passado (carnaval), fui no O´malleys, um pub legalzinho, mas deixou a desejar no ambiente em comparação ao Vila dionisio (um dos meus lugares preferidos). Mas agora com essa listinha jah tenho os proximos pontos de visitação na capital. E viva a cervejada com a mulher dirigindo depois.

  2. Aguardo a lista do RJ e desde já me coloco à disposição para ajudar a elaborá-la. :)

  3. Fabio Martelozzo disse:

    Diferentemente do que diz o post no Blog do Brejas, a matéria diz “uma lista com dez bares que oferecem uma respeitável carta de cervejas.” E não os 10 melhores bares para se tomar cerveja.

    A própria reportagem traz um link para um dos três melhores lugares para se tomar cerveja em Sampa: a Forneria Melograno.

    Eu considero um dos três melhores para se tomar cerveja (juntamente com o FrangÓ – disparadamente o melhor, e com o Drake’s) por duas razões: tem a terceira MAIOR carta de cervejas da capital, com cento e cinquenta rótulos (inferior apenas à do FrangÓ – com 250 e do Asterix e do Tortulla – com 200) e tem um menu degustativo excelente – onde o chef da casa indica a cerveja ideal para cada ítem do cardápio.

    Aqui está parte da matéria no portal Veja SP:

    “Principal atrativo do lugar, a didática carta de cervejas demonstra cuidados de um expert. Os mais de 150 rótulos estão organizados tanto por país de origem como por tipo (ale, lager, lambic) e subtipo (weiss, tripel, pilsen, stout, bock), com o acréscimo de explicação sobre cada um deles. (…) No menu, combinações de queijos ou frios (R$ 17,00 a R$ 21,00) concorrem com petiscos preparados num forno a lenha. Cada item traz sugestões de loiras, morenas e ruivas para harmonizar. Melograno, Rua Aspicuelta, 436, Vila Madalena, 3031-2921. 18h/0h (sex. e sáb. até 1h; fecha seg.). Cc.: todos. Cd.: M, R e V. Estac. c/manobr. (R$ 13,00). http://www.melograno.com.br.”

    Reportagem completa aqui: http://vejasaopaulo.abril.com.br/revista/vejasp/roteirosdasemana/emdestaque/50-bares-419896.html

  4. Ricardo disse:

    Fabio,

    Fica a seu criterio indicar outros lugares que nao estejam listados na reportagem, assim como outros leitores sempre fazem.

    Agora, fazer algum protesto sobre a nao inclusao de um determinado bar, acredito que isso deva ser feito ao jornalista responsaval pela materia. O e-mail pode ser pego no site, mas te passo aqui: uiara.araujo@abril.com.br

    Faca seu protesto e quem sabe na proxima materia eles incluiem os seus preferidos tambem.

    Sobre o link mencionado por voce, ele nao faz parte da materia, e sim de “assuntos relacionados” que sao promovidos em materias relacionadas. Fazemos isso aqui no Brejas tambem com frequencia, seja nas paginas do Guia ou no Blog que esta lendo agora.

    Sobre a mudanca no titulo da materia, acredito que se tudo for levado tanto ao pe da letra, o mundo vira uma chatice ne? Na nossa interpretacao, sao os 10 eleitos pela Veja para se tomar cerveja, nao que outros nao sejam tambem recomendados, mas ai ja entra na questao de qual foram as premissas usadas pelos jornalistas. Outra questao a ser tratada diretamente com eles, pelo endereco de email ja informado.

    Espero ter deixado claras as diferencas dos pontos notados por voce.

    Abracos

  5. Fabio,
    O Ricardo está correto. Quando publiquei o post, tive o cuidado de colocar um link direto pra matéria. Nela, não há menção a outros bares que não sejam os que já estão lá. A matéria não é nossa, mas sim da Veja São Paulo. Se eu colocasse outros estabelecimentos, estaria sendo leviano e infiel com a fonte.
    Mas valeu por indicar mais lugares e contribuir com o BREJAS.
    Um abração.

  6. Fabio Martelozzo disse:

    Maurício e Ricardo.

    Cada um interpreta as palavras a seu bel-prazer. Como vocês fizeram. Afinal, a presença ou ausência da palavra “melhores” muda completamente o sentido da frase. Você, Maurício, como advogado, sabe muito bem isso. Meu “protesto” não é com a reportagem da Veja, muito boa por sinal, mas com a mudança da manchete.

    Quem conhece o Brejas, com sua grande preocupação em trazer informações de qualidade, opiniões sinceras e abalisadas, bastante simpatia e informalidade, além da interatividade com o leitor, também sabe da conhecida “implicância” que existe, a ponto de haver distorções deliberadas no título da reportagem. Não é chatice, Ricardo. É honestidade.

    Honestidade que deveria haver no Brejas quando ao avaliarem a Saint Nicholas, que notadamente foi criada por três pessoas, ser mencionado o nome de apenas duas pessoas.

    Essa atitude isenta e profissional traz credibilidade, que posso afirmar não faltar nas avaliações do Brejas. Essas pendengas pessoais deveriam ser deixadas no campo meramente pessoal.

    De qualquer forma, agradeço ao Maurício, que sempre coloca sua posição de maneira clara e aberta, porém com bastante respeito àqueles com quem discorda.

    Abraços.

  7. Ricardo disse:

    Fabio,

    Nao sei qual a sua relacao com o Melograno, Bier Troup e Edu Passarelli.

    Tambem nao vejo assim onde ha tanta “implicancia” como voce cita, falta de honestidade ou qualquer tipo de maldade.

    Se a historia da Saint Nicholas ainda nao ficou bem explicada e nossa resposta nao te satisfez, perdao, mas nao temos como te convencer de algo que voce realmente parece que nao quer entender.

    Nao temos nada contra Melograno, nada contra Edu Passarelli, nada contra ninguem. Se formos seguir a sua linha de raciocinio, podemos achar centenas de outras omissoes e duplas interpretacoes pelo site todo.

    Mas te peco que, ja que esta fazendo o papel do defensor da justica, faca as mesmas perguntas a aqueles que voce tanto defende. Pergunte ao Edu Passarelli, por exemplo, por que ele nunca cita o BREJAS, so comenta em nosso site quando e´ pra fazer criticas nao construtivas, retirou o link que tinha para o nosso site e fala mal, pela frente e por tras, do Brejas e de seus integrantes, com comentarios maldosos, exagerados e muitas vezes bastante distorcido. Faca o mesmo para outros blogueiros. Assim que sabe voce passa a entender melhor o que acontece, como funcionam as panelas neste pequeno mundo no qual todos so deveriam pensar em se ajudar mutuamente.

    Quem sabe entao, voce vera as coisas de outra maneira. Se voce busca pela honestidade, imparcialidade, faca o que te peco e depois voltamos a conversar, em particular ou abertamente neste blog.

    Como conclusao, queria que voce soubesse que somos do bem, nao estamos aqui para “causar”. Fazemos o nosso trabalho, que pra gente e´ um hobby acima de tudo. Mas gostamos da transparencia, e se e´ ela que voce quer, nos ajudamos, mas gostariamos que voce fosse atras daquilo que esta mais embaixo, muitas vezes escondido debaixo do tapete.

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: brejas@brejas.com.br

Cursos do Brejas

Participe dos cursos de cerveja do Brejas

  • Fabricação de Cerveja Caseira
  • Estilos e Degustação de Cerveja