VI Encontro Nacional de Cervejas Artesanais

Comments
938 visitas

Concurso1

Aconteceu em Florianópolis (SC), no último feriado de Corpus Christi, o VI Encontro Nacional de Cervejas Artesanais promovido pela ACervA Catarinense, associação de cervejeiros caseiros do estado. Estive lá a convite da organização do Encontro, na dupla função de palestrante e jurado de cervejas, e pude conferir mais um belíssimo passo à frente na cultura cervejeira nacional.

Em primeiro lugar, é preciso dizer que a organização do evento foi impecável. A feliz escolha do hotel SESC CacupéEncontroFloripa como sede fez toda a diferença. Todo o Encontro — palestras, julgamento de cervejas e festa final — foi realizado por lá mesmo, e grande parte dos convidados, incluindo este escriba, se hospedou nos confortáveis chalés do hotel, não tendo que se deslocar a cada atividade. À beira-mar, a espetacular beleza natural de Florianópolis fez o resto, compondo a moldura inesquecível.

Cervejeiros caseiros detonando

O Concurso Nacional teve três estilos de cervejas: Bohemian Pilsner, Rauchbier e Barleywine. Fui um dos jurados desta última categoria, e posso atestar que os homebrewers realmente capricharam. Ao menos cinco amostras poderiam ter levado o primeiro lugar, e o nível das cervejas estava bem alto, rivalizando mesmo com as importadas do estilo. Também pude experimentar as vencedoras dos demais estilos, e comprovar que a excelência era no mesmo patamar. A melhora geral do nível das cervejas caseiras no país é evidente!

As palestras, sempre bastante disputadas e que aconteceram paralelamente ao julgamento das cervejas, transbordaram cultura cervejeira. O convidado especial da vez foi o americano Randy Mosher, autor de vários livros fundamentais sobre cerveja, designer de rótulos e professor do Siebel Institute de Chicago (EUA). Outros nomes de peso no cenário cervejeiro também participaram, como Juliano Mendes (Eisenbahn), Leonardo Sewald (Seasons), Arlindo Guimarães (Amazon Beer), Samuel Cavalcanti (Bodebrown), Sady Homrich (Extra-Malte) e Marcelo Cerdán (Fermentis).

Festa com altas cervejas e homenagens

Na festa final, que ocorreu no último sábado, afogada num mar de cervejas caseiras e artesanais da melhor estirpe, foram anunciados os vencedores das três categorias. O homenageado especial foi o aniversariante Marco Falcone (cervejeiro da mineira Falke Bier), o “xamã da cerveja”, na bem-humorada e inspirada definição de Randy Mosher.

Confira abaixo, nas imagens, um pouco do que aconteceu nesses dias extraordinários, enquanto a comunidade cervejeira aguarda a sétima edição do Encontro, programada pra acontecer ano que vem no estado de São Paulo.

Comentários

  1. Eduardo Palmieri Lage disse:

    Caro Beltramelli,

    bacana demais o concurso das Brejas Artesanais. Acredito que a possibilidade de vermos as campeãs à venda aqui em BH é mínima, mas publique depois a lista com as campeãs.
    Também seria bacana se rolasse o contato da galera, desta forma poderíamos fazer um intercâmbio.

    Grande abraço.

  2. Opa, Eduardo!
    A lista das cervejas campeãs está no site da ACervA Catarinense, cujo link está no topo deste artigo.
    Um abração.

Cursos do Brejas

Participe dos cursos de cerveja do Brejas

  • Fabricação de Cerveja Caseira
  • Estilos e Degustação de Cerveja