Entre com o Facebook
Dominus Triple

Dominus Triple

http://www.brejas.com.br/media/reviews/photos/thumbnail/300x300s/8c/d4/76/3018_dominus-triple-1324241588.png
 
3.9 (2)
 
3.7 (9)
1701   1   4
 
Escrever Avaliação

Informações

Cervejaria
Importadora
Álcool (%)
8% ABV
Ativa:
Temperatura
Copo ideal
A Dominus Tripel é uma cerveja importada da Bélgica, de coloração entre o dourado e âmbar. Seu colarinho é generoso e duradouro. Seu aroma é frutado, com notas uvas passas e malte. Seu sabor, também frutado, é levemente adocicado com notas de frutas secas e malte. A cerveja Dominus Triple é produzida na cervejaria De Koningshoeven (La Trappe), na Holanda. Graduação Alcoólica: 8,00% vol. Temperatura Sugerida: 8 ºC

Avaliações do Editor

Média de pontuação do editor por: 2 usuário(s)

Avaliação Geral 
 
3.9
Aroma 
 
8/10  (2)
Aparência 
 
4/5  (2)
Sabor 
 
16/20  (2)
Sensação 
 
4/5  (2)
Conjunto 
 
8/10  (2)

Dourada quase cobre, translúcida, espuma branca, alta e de longa duração.

Aroma super frutado, frutas amarelas - damasco e pera - condimentado, cravo.
Sabor é menos condimentado que o aroma, continua frutado e traz a força do álcool para ajudar a deixar a cerveja bem intensa. Predomina o perfil doce, com amargor médio aparecendo mais ao final. O fermento aparece bem também, principalmente no final e no retrogosto, de uma forma que complementa a experiência ao invés de atrapalhar.

O retrogosto é condimentado, doce, permanece por longo tempo na boca. O corpo é médio e a carbonatação é média pra alta.

Uma breja redonda, bem intensa, sem aquela pegada mais cítrica de algumas Tripel e também se ser tão alcóolica e, portanto, não incomodando o tanto o paladar.
Avaliação Geral 
 
3.8
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Ricardo Martins Sangion Analisado por Ricardo Martins Sangion 30 de Dezembro de 2012
Avaliador #1  -   Veja todas minhas avaliações (1345)

Dourada quase cobre, translúcida, espuma branca, alta e de longa duração.

Aroma super frutado, frutas amarelas - damasco e pera - condimentado, cravo.
Sabor é menos condimentado que o aroma, continua frutado e traz a força do álcool para ajudar a deixar a cerveja bem intensa. Predomina o perfil doce, com amargor médio aparecendo mais ao final. O fermento aparece bem também, principalmente no final e no retrogosto, de uma forma que complementa a experiência ao invés de atrapalhar.

O retrogosto é condimentado, doce, permanece por longo tempo na boca. O corpo é médio e a carbonatação é média pra alta.

Uma breja redonda, bem intensa, sem aquela pegada mais cítrica de algumas Tripel e também se ser tão alcóolica e, portanto, não incomodando o tanto o paladar.

Detalhes

Degustada em
30/Dezembro/2012
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Bar Brejas
Considera esta avaliação útil? 
Coloração âmbar, espuma bege volumosa e de média duração.

Predomínio de notas cítricas e florais: laranja, pera e damasco. Há um suave dulçor que interessantemente contrasta com algum spice e salgado.

Médio amargor. Álcool presente, mas bem inserido no conjunto. Carbonatação média/alta.

Ótima tripel.
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Daniel C. Analisado por Daniel C. 15 de Dezembro de 2012
Avaliador Top 10  -   Veja todas minhas avaliações (1050)

Coloração âmbar, espuma bege volumosa e de média duração.

Predomínio de notas cítricas e florais: laranja, pera e damasco. Há um suave dulçor que interessantemente contrasta com algum spice e salgado.

Médio amargor. Álcool presente, mas bem inserido no conjunto. Carbonatação média/alta.

Ótima tripel.

Detalhes

Degustada em
09/Dezembro/2012
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
330 ml
Considera esta avaliação útil? 
 

Avaliações dos usuários Ver todas as avaliações de usuários

Avaliação média dos usuários: 9 usuário(s)

Avaliação Geral 
 
3.7
Aroma 
 
7/10  (9)
Aparência 
 
4/5  (9)
Sabor 
 
15/20  (9)
Sensação 
 
3/5  (9)
Conjunto 
 
7/10  (9)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
.
Avaliação Geral 
 
4.2
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
9/10
Diego Soares Analisado por Diego Soares 08 de Fevereiro de 2014
Veja todas minhas avaliações (1)

.

Detalhes

Degustada em
09/Fevereiro/2014
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Mamãe bebidas
Preço
R$16,20
Considera esta avaliação útil? 
Companheiros!!

Aparência: Dourada quase laranja. Suave turbidez. Creme Branco de boa formação e média duração.
Aroma: Malte, Laranja, Damasco e Cravo.
Sabor: inicia-se doce, maltado... sugestões frutadas (Laranja) e suave Cravo, fermento. Aquecimento da boca, álcool pronunciado. Corpo médio. Retrogosto "apimentado", condimentado.

Boa Tripel!


Avaliação Geral 
 
3.7
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
8/10
John Bahiense Analisado por John Bahiense 06 de Outubro de 2013
Veja todas minhas avaliações (1)

Companheiros!!

Aparência: Dourada quase laranja. Suave turbidez. Creme Branco de boa formação e média duração.
Aroma: Malte, Laranja, Damasco e Cravo.
Sabor: inicia-se doce, maltado... sugestões frutadas (Laranja) e suave Cravo, fermento. Aquecimento da boca, álcool pronunciado. Corpo médio. Retrogosto "apimentado", condimentado.

Boa Tripel!


Detalhes

Degustada em
06/Outubro/2013
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Lidador
Preço
18,00
Considera esta avaliação útil? 
Coloração turva alaranjada que quando colocada contra a luz parecia como se uma água viva estivesse no copo, muito interessante, além de uma espuma meio amarelada e alta que mantém um camada perene até o seu fim. Aroma frutado com notas de laranja e damasco, leve fermento belga. Sabor segue o aroma com notas mais doces, cerveja de baixa carbonatação e um corpo leve a medio, um retrogosto mais picante no final.
Avaliação Geral 
 
3.2
Aroma 
 
6/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
12/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
7/10

Coloração turva alaranjada que quando colocada contra a luz parecia como se uma água viva estivesse no copo, muito interessante, além de uma espuma meio amarelada e alta que mantém um camada perene até o seu fim. Aroma frutado com notas de laranja e damasco, leve fermento belga. Sabor segue o aroma com notas mais doces, cerveja de baixa carbonatação e um corpo leve a medio, um retrogosto mais picante no final.

Detalhes

Degustada em
20/Junho/2013
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
330 ml
Considera esta avaliação útil? 
Cerveja levemente turva e ambar, espuma branca e aroma floral remetendo a frutas amarelas, sabor adocicado e retrogosto levemente apimentado e salgado.
Avaliação Geral 
 
3.8
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
7/10

Cerveja levemente turva e ambar, espuma branca e aroma floral remetendo a frutas amarelas, sabor adocicado e retrogosto levemente apimentado e salgado.

Detalhes

Degustada em
05/Maio/2013
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
mamae bebidas
Preço
13,00
Considera esta avaliação útil? 
Dúbia disucssão de idade média entre bélgica e holanda sobre a produção, típicdo da ordem trapista na fase ''Monge Gianlucca'' se remtermons-nos a história. Começo falando que essa cerveja é extremamene interessante de se analisar. A começar pela coloração, que é na minha opiniãop a cor exata do famoso chá de abricot persa envelhecido. O aroma é de fraco impácto, com espuma que dura o tempo mínimo necessário e carbonatação vai um pouco além das trapistas, porém, isso pra mim foi um ponto positivo. Quanto a sabor, desculpe aos colegas se pareci presunçosom e audaz, mas é extremamente predominante de cravo e frutas secas e para ser estremamente exato, a fruta em questão é a uva passa hermitage, da região de bourdeaux, feita sob o preocesso de hastafari-noisette (nome bem peculiar pela missigenação da área e colonização ao sul pelos jamaicanos. Aliás, provei essa iguaria apenas uma vez na vidsa, mas o gosto marcou e o deja vu veio agora). No conjunto, considero uma cerveja rica e complexa, justificando a briga das Ntherlands e dos belgas ortodoxos. Recomendo a todos os amigos. harmoniza com todos os pratos.
Avaliação Geral 
 
3.4
Aroma 
 
5/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
12/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
7/10
Homer Simpson Analisado por Homer Simpson 14 de Maio de 2013
Veja todas minhas avaliações (1)

Dúbia disucssão de idade média entre bélgica e holanda sobre a produção, típicdo da ordem trapista na fase ''Monge Gianlucca'' se remtermons-nos a história. Começo falando que essa cerveja é extremamene interessante de se analisar. A começar pela coloração, que é na minha opiniãop a cor exata do famoso chá de abricot persa envelhecido. O aroma é de fraco impácto, com espuma que dura o tempo mínimo necessário e carbonatação vai um pouco além das trapistas, porém, isso pra mim foi um ponto positivo. Quanto a sabor, desculpe aos colegas se pareci presunçosom e audaz, mas é extremamente predominante de cravo e frutas secas e para ser estremamente exato, a fruta em questão é a uva passa hermitage, da região de bourdeaux, feita sob o preocesso de hastafari-noisette (nome bem peculiar pela missigenação da área e colonização ao sul pelos jamaicanos. Aliás, provei essa iguaria apenas uma vez na vidsa, mas o gosto marcou e o deja vu veio agora). No conjunto, considero uma cerveja rica e complexa, justificando a briga das Ntherlands e dos belgas ortodoxos. Recomendo a todos os amigos. harmoniza com todos os pratos.

Detalhes

Envasamento
Garrafa
Considera esta avaliação útil? 
 
Ver todas as avaliações de usuários
 

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: brejas@brejas.com.br

Cursos do Brejas

Participe dos cursos de cerveja do Brejas

  • Fabricação de Cerveja Caseira
  • Estilos e Degustação de Cerveja
Entre com o Facebook