Entre com o Facebook
Rugbeer O´Driscoll

Rugbeer O´Driscoll

http://www.brejas.com.br/media/reviews/photos/thumbnail/300x300s/9b/a2/b1/1145_RugbeerODriscoll_1251417027.jpg
 
4.1 (3)
 
3.6 (17)
5296   1   8
 
Escrever Avaliação

Informações

Álcool (%)
7.2% ABV
Ingredientes
Água, malte de cevada, lúpulo, especiarias e levedura.
Ativa:
Temperatura
Copo ideal

Cerveja artesanal - Fabricação caseira.

A Rugbeer O´Driscoll é uma cerveja de gengibre à moda antiga, de cor clara, refrescante e sabor apimentado.

Avaliações do Editor

Média de pontuação do editor por: 3 usuário(s)

Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
8/10  (3)
Aparência 
 
4/5  (3)
Sabor 
 
16/20  (3)
Sensação 
 
4/5  (3)
Conjunto 
 
8/10  (3)

Coloração amarelada quase dourada, turva, com uma espuma pequena, mas de boa duração, daquelas que baixam mas permanecem no centro e nas laterais do copo. Bem carbonatada, traz alguns sedimentos na garrafa, comum em cervejas artesanais.

O aroma logo surpreende. Obviamente tem gengibre, mas não chega a ser escancarado. O que mais aparece é um aroma floral.

Já no sabor, o gengibre é o que predomina, deixando-o marcante e inconfundível, já que a intensidade é alta. Talvez até comprometa o drinkability, tenho que beber mais quantidade pra poder atestar.

De corpo médio, a sensação na boca é picante, pela ardência do gengibre e pela picada da carbonatação. O retrogosto dura muito, lembrando bastante gengibre. Quem está acostumado a comer em restaurante japonês e limpar o paladar usando as fatias de gengibre em conserva vão entender bem do que estou falando. Pela proposta, é exatamente o que eu esperava. O álcool, entretando, apesar de relativamente alto, quase não se sente, o que é fantástico.

Tudo isso faz com que o conjunto seja excelente, tanto pelos aromas e sabores inusitados, raros de se ver em qualquer cerveja, quanto pela harmonia e conjunto.

Vale muito a pena ser degustada. Espero que possamos ver essa belezura produzida em mais quantidade e com maior distribuição.



Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
8/10

Coloração amarelada quase dourada, turva, com uma espuma pequena, mas de boa duração, daquelas que baixam mas permanecem no centro e nas laterais do copo. Bem carbonatada, traz alguns sedimentos na garrafa, comum em cervejas artesanais.

O aroma logo surpreende. Obviamente tem gengibre, mas não chega a ser escancarado. O que mais aparece é um aroma floral.

Já no sabor, o gengibre é o que predomina, deixando-o marcante e inconfundível, já que a intensidade é alta. Talvez até comprometa o drinkability, tenho que beber mais quantidade pra poder atestar.

De corpo médio, a sensação na boca é picante, pela ardência do gengibre e pela picada da carbonatação. O retrogosto dura muito, lembrando bastante gengibre. Quem está acostumado a comer em restaurante japonês e limpar o paladar usando as fatias de gengibre em conserva vão entender bem do que estou falando. Pela proposta, é exatamente o que eu esperava. O álcool, entretando, apesar de relativamente alto, quase não se sente, o que é fantástico.

Tudo isso faz com que o conjunto seja excelente, tanto pelos aromas e sabores inusitados, raros de se ver em qualquer cerveja, quanto pela harmonia e conjunto.

Vale muito a pena ser degustada. Espero que possamos ver essa belezura produzida em mais quantidade e com maior distribuição.



Detalhes

Degustada em
01/Setembro/2009
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
600 ml
Adicionar foto/arquivo
Considera esta avaliação útil? 
Degustei essa breja duas vezes, no Frei Tuck em BH (que belo lugar!), e depois em casa, com mais calma e atenção.
Sua aparência é dourada e levemente turva. Seu creme branco é médio na altura, com tamanho variável das bolhas, e longêvo.
Seu corpo é levíssimo, altamente refrescante. Textura aguada e carbonatação na média, ótima nessa breja. Tem final levemente seco e picante, na lingua e na garganta. E tem duração, fazendo companhia por bom tempo.
Apresenta-se com boa acidez, e daí vem parte da sua refrescância, com levíssimo amargor. O gengibre, ingrediente mais importante na confecção dessa belezura, está presente em todos os seus aspectos. Tem umas pouquíssimas casquinhas viajando pelo líquido conforme sobem as bolhas (só percebi isso na garrafa que tomei em casa), está na boca com seu gosto, picância e refrescância e, de maneira surpreendentemente agradável e perfumada, no aroma. Para aproveitar mais o aroma, delicado e verde, aconselho taças tipo tulipa. Tomei em dois tipos de taças e a tulipa fez diferença.
Havia uma dúvida quanto à sua drinkability, pela marcante presença do gengibre. Da segunda vez que degustei a dúvida foi tirada: tem muuuita drinkability e equilíbrio.
Particularmente, tomei várias lições dessa breja. Sou fã das cervejas escuras, fortes e amargas. Essa menina é o oposto de tudo isso, e me rendi a ela com o maior prazer.
Seu rótulo é muito bonito, feito com cuidado, como a própria breja.
A não ser que não goste de gengibre, é daquelas cervejas que todo mundo deve ter em casa, por sua particularidade e qualidade.
Arrghhh, por que BH é tão longe?!!!
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Alexandre Menke Analisado por Alexandre Menke 30 de Agosto de 2009
Avaliador Top 500  -   Veja todas minhas avaliações (187)

Degustei essa breja duas vezes, no Frei Tuck em BH (que belo lugar!), e depois em casa, com mais calma e atenção.
Sua aparência é dourada e levemente turva. Seu creme branco é médio na altura, com tamanho variável das bolhas, e longêvo.
Seu corpo é levíssimo, altamente refrescante. Textura aguada e carbonatação na média, ótima nessa breja. Tem final levemente seco e picante, na lingua e na garganta. E tem duração, fazendo companhia por bom tempo.
Apresenta-se com boa acidez, e daí vem parte da sua refrescância, com levíssimo amargor. O gengibre, ingrediente mais importante na confecção dessa belezura, está presente em todos os seus aspectos. Tem umas pouquíssimas casquinhas viajando pelo líquido conforme sobem as bolhas (só percebi isso na garrafa que tomei em casa), está na boca com seu gosto, picância e refrescância e, de maneira surpreendentemente agradável e perfumada, no aroma. Para aproveitar mais o aroma, delicado e verde, aconselho taças tipo tulipa. Tomei em dois tipos de taças e a tulipa fez diferença.
Havia uma dúvida quanto à sua drinkability, pela marcante presença do gengibre. Da segunda vez que degustei a dúvida foi tirada: tem muuuita drinkability e equilíbrio.
Particularmente, tomei várias lições dessa breja. Sou fã das cervejas escuras, fortes e amargas. Essa menina é o oposto de tudo isso, e me rendi a ela com o maior prazer.
Seu rótulo é muito bonito, feito com cuidado, como a própria breja.
A não ser que não goste de gengibre, é daquelas cervejas que todo mundo deve ter em casa, por sua particularidade e qualidade.
Arrghhh, por que BH é tão longe?!!!

Detalhes

Degustada em
29/Agosto/2009
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
600 ml
Adicionar foto/arquivo
Considera esta avaliação útil? 
Coloração âmbar clara, creme branco medianamente denso, consistente e persistente.
No aroma... GENGIBRE, claro! A especiaria domina todo o nariz, dando a ideia da refrescância da breja e deixando em segundo plano o malte. Há também uma levíssima percepção herbácea lupulada.
Na boca, a cerveja explode em sensações REALMENTE picantes. O apimentado do gengibre assoma os sentidos, permanecendo no paladar por longos e deliciosos momentos após a degustação. Essas sensações continuam ainda na garganta, "esquentando" o paladar. Um leve amargor de lúpulo pode ser percebido na base da língua. A carbonatação é leve, o corpo é médio e a sensação alcoólica é perceptível, valorizando o conjunto.
Diferente. Ímpar. Deliciosa.
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Mauricio Beltramelli Analisado por Mauricio Beltramelli 27 de Agosto de 2009
Atualizado pela última vez: 27 de Agosto de 2009
Avaliador Top 10  -   Veja todas minhas avaliações (1057)

Coloração âmbar clara, creme branco medianamente denso, consistente e persistente.
No aroma... GENGIBRE, claro! A especiaria domina todo o nariz, dando a ideia da refrescância da breja e deixando em segundo plano o malte. Há também uma levíssima percepção herbácea lupulada.
Na boca, a cerveja explode em sensações REALMENTE picantes. O apimentado do gengibre assoma os sentidos, permanecendo no paladar por longos e deliciosos momentos após a degustação. Essas sensações continuam ainda na garganta, "esquentando" o paladar. Um leve amargor de lúpulo pode ser percebido na base da língua. A carbonatação é leve, o corpo é médio e a sensação alcoólica é perceptível, valorizando o conjunto.
Diferente. Ímpar. Deliciosa.

Detalhes

Degustada em
22/Agosto/2009
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
600 ml
Onde comprou
Frei Tuck (BH)
Adicionar foto/arquivo
Considera esta avaliação útil? 
 

Avaliações dos usuários Ver todas as avaliações de usuários

Avaliação média dos usuários: 17 usuário(s)

Avaliação Geral 
 
3.6
Aroma 
 
8/10  (17)
Aparência 
 
3/5  (17)
Sabor 
 
14/20  (17)
Sensação 
 
4/5  (17)
Conjunto 
 
7/10  (17)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
Cerveja deliciosa e com ótima drinkability. Uma boa alternativa para cervejas com o estilo mais herbal, o gengibre substitui muito bem esse sabor e mantém o sabor de sua especialidade.

O aroma é gengibre puro, feito chá da raiz. No sabor ela está inserida de forma mais suave que não deixou transparecer aquele "ardido" do gengibre porém mantendo o sabor do picante mesmo.

Realmente uma cerveja refrescante, de bastante personalidade e muito boa para um dia de calor.
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Lucas F. Zurwellen Analisado por Lucas F. Zurwellen 30 de Dezembro de 2010
Atualizado pela última vez: 30 de Dezembro de 2010
Avaliador Top 500  -   Veja todas minhas avaliações (52)

Cerveja deliciosa e com ótima drinkability. Uma boa alternativa para cervejas com o estilo mais herbal, o gengibre substitui muito bem esse sabor e mantém o sabor de sua especialidade.

O aroma é gengibre puro, feito chá da raiz. No sabor ela está inserida de forma mais suave que não deixou transparecer aquele "ardido" do gengibre porém mantendo o sabor do picante mesmo.

Realmente uma cerveja refrescante, de bastante personalidade e muito boa para um dia de calor.

Detalhes

Degustada em
29/Dezembro/2010
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
600 ml
Adicionar foto/arquivo
Considera esta avaliação útil? 
Muito diferente!
Refrescante!
Inusitada!
mas cansa...

Há tempos não tomava uma breja que fosse tão surpreendente. Ao despejá-la no copo, forma uma belíssima camada de espuma bem densa, que porém, não dura muito. Possui líquido claro, dourado e turvo.c
O aroma é incrível! Gengibre e malte, eu nem gosto muito de gengibre, mas nessa breja o aroma está magnificamente inserido. O sabor segue o aroma com um pouco mais de gengibre, o que faz com que o sabor se torne, como diria? picante? spicy?(pena que o inglês possua essa palavra e o português não.

É muito refrescante. É muito diferente. Mas o gengibre fica um pouco cansativo...

Mesmo assim considero uma excelente cerveja artesanal pela originalidade.

PS.: Recomendo que a garafa seja dividia por quatro pessoas, pois assim não fica a sensação de cansaço causada pelo gengibre.
Avaliação Geral 
 
3.6
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
14/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
7/10
Diogo Sabido Analisado por Diogo Sabido 27 de Julho de 2010
Atualizado pela última vez: 27 de Julho de 2010
Avaliador Top 500  -   Veja todas minhas avaliações (124)

Muito diferente!
Refrescante!
Inusitada!
mas cansa...

Há tempos não tomava uma breja que fosse tão surpreendente. Ao despejá-la no copo, forma uma belíssima camada de espuma bem densa, que porém, não dura muito. Possui líquido claro, dourado e turvo.c
O aroma é incrível! Gengibre e malte, eu nem gosto muito de gengibre, mas nessa breja o aroma está magnificamente inserido. O sabor segue o aroma com um pouco mais de gengibre, o que faz com que o sabor se torne, como diria? picante? spicy?(pena que o inglês possua essa palavra e o português não.

É muito refrescante. É muito diferente. Mas o gengibre fica um pouco cansativo...

Mesmo assim considero uma excelente cerveja artesanal pela originalidade.

PS.: Recomendo que a garafa seja dividia por quatro pessoas, pois assim não fica a sensação de cansaço causada pelo gengibre.

Detalhes

Degustada em
29/Maio/2010
Envasamento
Garrafa
Onde comprou
Biergarten Frei Tuck
Adicionar foto/arquivo
Considera esta avaliação útil? 
Cerveja refrescante que me surpreendeu! Coloracao amarelada e opaca. Espuma branca que se formou bem porem e' de baixa duracao. No aroma, muito gengibre e mais gengibre! No paladar tambem muito gengibre proporcinando uma sensacao refrescante, alem de algo picante, malte e pouco amargor porem presente.
Avaliação Geral 
 
3.4
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
12/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
7/10

Cerveja refrescante que me surpreendeu! Coloracao amarelada e opaca. Espuma branca que se formou bem porem e' de baixa duracao. No aroma, muito gengibre e mais gengibre! No paladar tambem muito gengibre proporcinando uma sensacao refrescante, alem de algo picante, malte e pouco amargor porem presente.

Detalhes

Degustada em
03/Julho/2010
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
600 ml
Adicionar foto/arquivo
Considera esta avaliação útil? 
Minha preferida das artesanais do Frei Tuck. É bem verdade que a primeira o garçom achou que estava estragada e trouxe outra, pela falta total de espuma e carbonatação. A segunda estava melhor mas mesmo assim, estranhei a cara de chá. Mas ao provar pude comprovar seu sabor e suas peculiaridades. De cor âmbar, levemente turva e sem nenhuma espuma ou carbonatação, tem um forte aroma condimentado e apimentado. Dá até uma sensação diferente de cravo no odor mas que vem do gengibre. O sabor é muito bom com excesso de gengibre mas que faz todo sentido pela sua proposta. Há um toque herbal nesta cerva, no começo e no final, no retrogosto. O álcool é na medida e ela se mostra até equilibrada. Não é tão fácil de beber. Experiência única recomendada com todo louvor!
Avaliação Geral 
 
3.6
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
14/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
7/10

Minha preferida das artesanais do Frei Tuck. É bem verdade que a primeira o garçom achou que estava estragada e trouxe outra, pela falta total de espuma e carbonatação. A segunda estava melhor mas mesmo assim, estranhei a cara de chá. Mas ao provar pude comprovar seu sabor e suas peculiaridades. De cor âmbar, levemente turva e sem nenhuma espuma ou carbonatação, tem um forte aroma condimentado e apimentado. Dá até uma sensação diferente de cravo no odor mas que vem do gengibre. O sabor é muito bom com excesso de gengibre mas que faz todo sentido pela sua proposta. Há um toque herbal nesta cerva, no começo e no final, no retrogosto. O álcool é na medida e ela se mostra até equilibrada. Não é tão fácil de beber. Experiência única recomendada com todo louvor!

Detalhes

Envasamento
Garrafa
Volume em ml
500 ml
Onde comprou
Frei Tuck
Adicionar foto/arquivo
Considera esta avaliação útil? 
Pelo visto essa breja é 8 ou 80 aqui no site, mas para mim não foi assim, não detestei, mas também não amei. Coloração dourada/âmbar, turva. Baixa formação de espuma branca de curta persistência. Aroma nítido de gengibre, muito agradável (eu adoro gengibre). O sabor segue o aroma, com muito gengibre, além da presença de notas azedas, o que confere um caráter um pouco ácido. Corpo leve, achei até meio aguado. Cerveja leve e refrescante, com álcool muito bem inserido, quase imperceptível, apresenta ótima drinkability, não é enjoativa como eu temia que pudesse ser. Não obstante, esperava uma breja mais intensa e encorpada, pensei que seria o tipo de cerveja forte, condimentada, mais puxada para o doce e não para o azedo. Acho que estava esperando meio que um quentão de cerveja e como não foi isso que encontrei -pelo contrário, a cerveja é um primor de refrescância- me decepcionei um pouco. É uma cerveja única, diferente, é fato, mas que não me agradou tanto assim.
Avaliação Geral 
 
3.0
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
11/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
6/10
Milu Lessa Analisado por Milu Lessa 02 de Abril de 2010
Atualizado pela última vez: 04 de Abril de 2010
Avaliador Top 50  -   Veja todas minhas avaliações (568)

Pelo visto essa breja é 8 ou 80 aqui no site, mas para mim não foi assim, não detestei, mas também não amei. Coloração dourada/âmbar, turva. Baixa formação de espuma branca de curta persistência. Aroma nítido de gengibre, muito agradável (eu adoro gengibre). O sabor segue o aroma, com muito gengibre, além da presença de notas azedas, o que confere um caráter um pouco ácido. Corpo leve, achei até meio aguado. Cerveja leve e refrescante, com álcool muito bem inserido, quase imperceptível, apresenta ótima drinkability, não é enjoativa como eu temia que pudesse ser. Não obstante, esperava uma breja mais intensa e encorpada, pensei que seria o tipo de cerveja forte, condimentada, mais puxada para o doce e não para o azedo. Acho que estava esperando meio que um quentão de cerveja e como não foi isso que encontrei -pelo contrário, a cerveja é um primor de refrescância- me decepcionei um pouco. É uma cerveja única, diferente, é fato, mas que não me agradou tanto assim.

Detalhes

Degustada em
27/Março/2010
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
600 ml
Onde comprou
EAP (cortesia do confrade Mauro que me trouxe)
Preço
R$ 14,00
Adicionar foto/arquivo
Considera esta avaliação útil? 
 
Ver todas as avaliações de usuários
 

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: brejas@brejas.com.br

Cursos do Brejas

Participe dos cursos de cerveja do Brejas

  • Fabricação de Cerveja Caseira
  • Estilos e Degustação de Cerveja
Entre com o Facebook