Entre com o Facebook
Pagan Strong Bitter

Pagan Strong Bitter

http://www.brejas.com.br/media/reviews/photos/thumbnail/300x300s/ad/84/9c/_a29c220afcdbcf1cc72269dd66def9de-320x320-1338590599.jpg
 
0.0
 
3.7 (12)
1482   2   2
 
Escrever Avaliação

Informações

Álcool (%)
5.8% ABV
Ativa:
Temperatura
Copo ideal

.

Avaliações dos usuários Ver todas as avaliações de usuários

Avaliação média dos usuários: 12 usuário(s)

Avaliação Geral 
 
3.7
Aroma 
 
7/10  (12)
Aparência 
 
4/5  (12)
Sabor 
 
14/20  (12)
Sensação 
 
4/5  (12)
Conjunto 
 
7/10  (12)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
Cerveja de coloração acobreada, com espuma de média formação e baixa duração.
Bom aroma, levemente herbal, com boa dose de malte e leve sugestão de mel.
Já no sabor, achei tudo muito suave. A lúpulo aparece bem equilibrado com o malte dando bom equilíbrio à breja.
Porém, senti como se faltasse algo e a breja estivesse passada.
Acredito que peguei um exemplar que já não estivesse tão fresco. Vou dar nova chance a ela depois.
Avaliação Geral 
 
3.2
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
12/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
7/10
André Rodrigues Analisado por André Rodrigues 10 de Março de 2014
Atualizado pela última vez: 10 de Março de 2014
Veja todas minhas avaliações (1)

Cerveja de coloração acobreada, com espuma de média formação e baixa duração.
Bom aroma, levemente herbal, com boa dose de malte e leve sugestão de mel.
Já no sabor, achei tudo muito suave. A lúpulo aparece bem equilibrado com o malte dando bom equilíbrio à breja.
Porém, senti como se faltasse algo e a breja estivesse passada.
Acredito que peguei um exemplar que já não estivesse tão fresco. Vou dar nova chance a ela depois.

Detalhes

Degustada em
08/Março/2014
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
330 ml
Considera esta avaliação útil? 
Coloração âmbar puxando para o cobre.
Pouca formação de espuma cor creme, volátil e de curta permanência.
Aroma lupulado, frutado e com boa pegada de malte, sugerindo mel e limão.
O sabor surpreende pois pelo aroma espera-se algo mais doce, notas tostadas suaves, bolo de frutas, torrada, lúpulo herbáceo, novamente o limão, amargor moderado.
Pouco carbonatada e final seco.
Muito equilibrada e com boa drinkability.
ESB no melhor estilo Inglês.
Ótima cerveja !
Avaliação Geral 
 
3.8
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
7/10

Coloração âmbar puxando para o cobre.
Pouca formação de espuma cor creme, volátil e de curta permanência.
Aroma lupulado, frutado e com boa pegada de malte, sugerindo mel e limão.
O sabor surpreende pois pelo aroma espera-se algo mais doce, notas tostadas suaves, bolo de frutas, torrada, lúpulo herbáceo, novamente o limão, amargor moderado.
Pouco carbonatada e final seco.
Muito equilibrada e com boa drinkability.
ESB no melhor estilo Inglês.
Ótima cerveja !

Detalhes

Degustada em
08/Fevereiro/2014
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
355 ml
Considera esta avaliação útil? 
.
Avaliação Geral 
 
3.8
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Nicolas Rafael Miranda Analisado por Nicolas Rafael Miranda 21 de Dezembro de 2013
Veja todas minhas avaliações (1)

.

Detalhes

Envasamento
Garrafa
Considera esta avaliação útil? 
A Pagan Strong Bitter, na expressão criada pelo compositor João Lopes, é "Bicho do Paraná" assim como este simplório apreciador. É do estilo English Pale Ale, sub-estilo Extra Special Strong Bitter, este caracterizado por cervejas de alta fermentação, mais potentes e alcóolicas e de coloração mais avermelhada. Apresentam malte e lúpulos mais salientes do que as Special Bitter. Olfato e paladar apresentem sensações que indicam um equilíbrio tendente ao amargor dos lúpulos ingleses (terroso e resinoso) e um final seco, mas sem suprimir a expressiva base de maltes torrados e os ésteres frutados. Uma curiosidade: ao invés de 'EPA' os ingleses usam a denominação 'Bitter', sendo que o termo se refere às cervejas mais amargas do que as demais.

É produzida pela Cervejaria Gaudenbier, instalada na cidade de Curitiba/PR, tendo sido criada em 2007 por Tiago e Ronaldo Flor. Está localizada no tradicional Bairro Santa Felicidade, uma agradável localidade de colonização italiana que mistura deliciosa gastronomia e história. Gauden, do Latin Gaudiun, muita alegria e felicidade para você! No portfólio das cervejas Pagan (há rótulos com o nome GaudenBier) há a Dagon's Blood Wine, a IPA, a Porter e a Valhalla Incursion Ale.

Validade 01/04/2014 - lote 02. A garrafa é de 355 ml, cor marrom, com belíssimo rótulo que ostenta gravura que se assemelha a um leme de navio e que na verdade se trata de uma Runa Viking de Proteção (Helm of Awe). Aliás, é fato que a inspiração da cervejaria é a história viking, isto ficando bem evidente nos demais rótulos Pagan. No contra-rótulo figuram as demais informações, perfil sensorial etc.

Vertida na taça revelou um líquido de coloração acobreada tendendo ao opaco, translucidez mediana, com espuma bege de destacadas formação e consistência e de razoável manutenção, tendo mantido uma fina tampa residual sobre o líquido ao longo da degustação. Perlage perceptível - bolhas pequenas e frenéticas. Bela apresentação!

O aroma se mostra bem exuberante e com uma complexidade interessante, fruto de uma bela base maltada confrontada com lúpulos de variedades inglesas. Apresentou notas de malte tostado, panificação, caramelo, toffee, lúpulo com notas terrosas e florais e álcool discreto.

No paladar o líquido referenda as impressões olfativas e nos brinda com notas de malte tostado, caramelo, pão, lúpulos ingleses com reminiscências terrosas e florais a prover um bom equilíbrio ao conjunto; claro que pendendo ao amargor, mas não de forma brutal como em exemplares americanos. O álcool de 5,8% ABV é sentido, mas não destoa. O final se mostrou seco e amargo e o retrogosto agradavelmente amargo e duradouro. O corpo é médio-baixo e a carbonatação é média. A drinkability é excelente, eis que se trata de uma cerveja refrescante e com sabor sutilmente picante.

Degustação prazerosa, proporcionada por um conjunto potente, equilibrado e bem representativo sendo esta a minha primeira degustação de um exemplar Extra Special Bitter. Consegui identificar o perfil saliente que caracteriza este clássico estilo inglês.

Recomendo!
Avaliação Geral 
 
3.9
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
7/10
Fabiano Pereira Analisado por Fabiano Pereira 08 de Dezembro de 2013
Veja todas minhas avaliações (1)

A Pagan Strong Bitter, na expressão criada pelo compositor João Lopes, é "Bicho do Paraná" assim como este simplório apreciador. É do estilo English Pale Ale, sub-estilo Extra Special Strong Bitter, este caracterizado por cervejas de alta fermentação, mais potentes e alcóolicas e de coloração mais avermelhada. Apresentam malte e lúpulos mais salientes do que as Special Bitter. Olfato e paladar apresentem sensações que indicam um equilíbrio tendente ao amargor dos lúpulos ingleses (terroso e resinoso) e um final seco, mas sem suprimir a expressiva base de maltes torrados e os ésteres frutados. Uma curiosidade: ao invés de 'EPA' os ingleses usam a denominação 'Bitter', sendo que o termo se refere às cervejas mais amargas do que as demais.

É produzida pela Cervejaria Gaudenbier, instalada na cidade de Curitiba/PR, tendo sido criada em 2007 por Tiago e Ronaldo Flor. Está localizada no tradicional Bairro Santa Felicidade, uma agradável localidade de colonização italiana que mistura deliciosa gastronomia e história. Gauden, do Latin Gaudiun, muita alegria e felicidade para você! No portfólio das cervejas Pagan (há rótulos com o nome GaudenBier) há a Dagon's Blood Wine, a IPA, a Porter e a Valhalla Incursion Ale.

Validade 01/04/2014 - lote 02. A garrafa é de 355 ml, cor marrom, com belíssimo rótulo que ostenta gravura que se assemelha a um leme de navio e que na verdade se trata de uma Runa Viking de Proteção (Helm of Awe). Aliás, é fato que a inspiração da cervejaria é a história viking, isto ficando bem evidente nos demais rótulos Pagan. No contra-rótulo figuram as demais informações, perfil sensorial etc.

Vertida na taça revelou um líquido de coloração acobreada tendendo ao opaco, translucidez mediana, com espuma bege de destacadas formação e consistência e de razoável manutenção, tendo mantido uma fina tampa residual sobre o líquido ao longo da degustação. Perlage perceptível - bolhas pequenas e frenéticas. Bela apresentação!

O aroma se mostra bem exuberante e com uma complexidade interessante, fruto de uma bela base maltada confrontada com lúpulos de variedades inglesas. Apresentou notas de malte tostado, panificação, caramelo, toffee, lúpulo com notas terrosas e florais e álcool discreto.

No paladar o líquido referenda as impressões olfativas e nos brinda com notas de malte tostado, caramelo, pão, lúpulos ingleses com reminiscências terrosas e florais a prover um bom equilíbrio ao conjunto; claro que pendendo ao amargor, mas não de forma brutal como em exemplares americanos. O álcool de 5,8% ABV é sentido, mas não destoa. O final se mostrou seco e amargo e o retrogosto agradavelmente amargo e duradouro. O corpo é médio-baixo e a carbonatação é média. A drinkability é excelente, eis que se trata de uma cerveja refrescante e com sabor sutilmente picante.

Degustação prazerosa, proporcionada por um conjunto potente, equilibrado e bem representativo sendo esta a minha primeira degustação de um exemplar Extra Special Bitter. Consegui identificar o perfil saliente que caracteriza este clássico estilo inglês.

Recomendo!

Detalhes

Degustada em
08/Dezembro/2013
Envasamento
Garrafa
Volume em ml
355 ml
Onde comprou
http://www.clubedomalte.com.br
Preço
12,90
Considera esta avaliação útil? 
Cor âmbar amarronzada com uma espuma fina aerada que desaparece bem rápido.
Aroma maltado com notas de lúpulos terrosos e caramelo.
Bem britânica com sabor predominante de lúpulos terrosos e maltes tostados. Notas de caramelos, pimenta do reino, pinho, folhas de chá e algo cítrico-frutado. Retrogosto seco e amargo.
Corpo médio com uma carbonatação alta relativamente para o estilo.
Uma surpresa positiva, é realmente uma English Bitter. Vale a pena provar.
Ap.3 Ar.3,5 Sab.3,5 Sens.3,75 Cj.3,5
Avaliação Geral 
 
3.5
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
14/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
7/10
Francisco Lima Analisado por Francisco Lima 12 de Outubro de 2013
Avaliador Top 10  -   Veja todas minhas avaliações (1152)

Cor âmbar amarronzada com uma espuma fina aerada que desaparece bem rápido.
Aroma maltado com notas de lúpulos terrosos e caramelo.
Bem britânica com sabor predominante de lúpulos terrosos e maltes tostados. Notas de caramelos, pimenta do reino, pinho, folhas de chá e algo cítrico-frutado. Retrogosto seco e amargo.
Corpo médio com uma carbonatação alta relativamente para o estilo.
Uma surpresa positiva, é realmente uma English Bitter. Vale a pena provar.
Ap.3 Ar.3,5 Sab.3,5 Sens.3,75 Cj.3,5

Detalhes

Degustada em
12/Outubro/2013
Envasamento
Garrafa
Onde comprou
Gaudenbier
Considera esta avaliação útil? 
 
Ver todas as avaliações de usuários
 

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: brejas@brejas.com.br

Cursos do Brejas

Participe dos cursos de cerveja do Brejas

  • Fabricação de Cerveja Caseira
  • Estilos e Degustação de Cerveja
Entre com o Facebook