Cadastre-se
Evil Twin P2 Porter

Evil Twin P2 Porter

Anderson CesariAnderson Cesari  
 
4.2 (3)
1200   0   1  
 
Escrever Avaliação
Adicionar a uma lista
Fanø-Bryghus-P2.jpg

Informações

Importadora
Estilo
Álcool (%)
7% ABV
Ingredientes
Água, malte, lúpulo e levedura
Ativa
Temperatura
Copo ideal
Uma Porter de 7% ABV, notas torradas intensas, além de café, chocolate amargo, madeira e pão torrado.

Avaliações

3 avaliações

Avaliação Geral 
 
4.2
Aroma 
 
8/10  (3)
Aparência 
 
4/5  (3)
Sabor 
 
16/20  (3)
Sensação 
 
4/5  (3)
Conjunto 
 
9/10  (3)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
Avaliação Geral 
 
4.2
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10

Líquido negro e totalmente opaco. Creme bege escuro teve baixa formação e persistência.
Aroma e sabor trouxeram uma sinergia de chocolate, café, torrefação, madeira e calor alcoólico, que assomado aos outros aromas, deu um toque de licor impressionantemente bom. No sabor, o padrão se repetiu. O final é sedoso, um pouco viscoso na boca, com retrogosto limpando o paladar, e deixando apenas o calor do álcool, torrado e madeira por vários minutos.
Quando a garrafa foi aberta, ela estava um pouco fria demais, e consegui ver a evolução da cerveja no copo. Complexidade essa Porter tem de sobra, e fácil de beber. Experiência excelente.

Detalhes

Degustada em
31/Dezembro/1969
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Considera esta avaliação útil? 
Avaliação Geral 
 
4.2
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
9/10

Trata-se de uma cerveja na verdade produzida pela Fano Bryghus, jovem cervejaria da cidade de mesmo nome, região de Norby, oeste da Dinamarca. Especialmente produzida ppara o Radio Restaurant de Copenhaguen, é uma excelente English Porter bastante intensa mas com bom equilíbrio.
Vertida apresentou um líquido quase negro, com alguns nuances para o castanho, viscoso e com um creme bege que quase não se forma mas que mantém um colar durante a degustação.
Aroma intenso de café, chocolate amargo e expressivas notas licorosas remetendo a licor de anis.
Na boca surpreende pelo equilíbrio e pela suavidade. Novamente os maltes torrados dão conta do recado com bastante chocolate amargo, baunilha e um final suave com algumas notas de cinza e um amargor interessante. Aftertaste suave trazendo novamente café, chocolate e algumas notas licorosas.
Corpo sedoso e carbonatação bem baixa.
Belíssima porter dinamarquesa.

Detalhes

Envasamento
Considera esta avaliação útil? 
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10

Linda coloração negra, líquido denso como petróleo, espuma marrom de média-baixa formação e duração. Aroma explosivo e complexo, num primeiro momento me lembrou aquelas velhas Russian Imperial Stout maturadas em barris de bourbon, com torrado e sugestão salgada evidentes, depois café, pão torrado, chocolate amargo, madeira, álcool e nuances de whisky. Na boca a carbonatação é baixa, tostado novamente bem inserido, calor alcólico, salgado, amargor na medida, amadeirado e baunilha. Final seco delicioso, implorando novos goles, persistência longa com retrogosto igualmente marcante e torrado. Melhor Porter que já tive o prazer de degustar!

Detalhes

Degustada em
03/Dezembro/2013
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Beer Legends
Preço
19,90
Considera esta avaliação útil? 

Cursos do Brejas

Participe dos cursos de cerveja do Brejas

  • Fabricação de Cerveja Caseira
  • Estilos e Degustação de Cerveja
Cadastre-se