BARES QUE AMAMOS – Peculier Pub

145 Bleecker St., Nova York (EUA).

Só o bairro já é uma delícia de ser frequentado. Nos arredores da Universidade de Nova York, o East Village é uma espécie de convescote ininterrupto. Da manhã ao meio da tarde, as “deli” servem refeições ao modo americano, subentendendo nessa noção o conceito muito de tudo. E à noite é a vez dos pubs, com gente a congestionar as ruas estreitas, mesmo com o frio de rachar que fazia durante a visita deste escriba.

Há três décadas no mesmo imóvel centenário — antes uma livraria — o Peculier Pub ostenta uma das maiores cartas de cerveja da Grande Maçã. São mais de 300 rótulos, fora outros 20 on tap, com destaque para as brejas artesanais da nova escola cervejeira americana. Foi lá, por exemplo, que experimentei a espetacular Ommegang Three Philosophers.

O que faz do Peculier peculiar é a decoração. Nas paredes, há uma miríade de mosaicos elaborados com tampinhas de cervejas, em sua maioria criados por um “artista” local, um certo Tommy Chou. Tem de tudo: totens indígenas, hieróglifos, desenhos egípcios, desenhos psicodélicos, desenhos africanos, desenhos nada-a-ver e até mesmo equações matemáticas.

Kitch? Por certo. Mas a moçada que frequenta o Peculier se lixa pra isso. Vazio no meio da tarde, o pub vai lotando à noitinha de estudantes enforcando aula e executivos que trabalham nos arredores em busca de relax. Lá pelas oito o local já é uma alegre balbúrdia, a merecer empenho se você quiser ser atendido.

Comentários

Uma resposta para “BARES QUE AMAMOS – Peculier Pub”

  1. Avatar de Renato Vialto
    Renato Vialto

    300 cervejas mais 20 on tap, senhor se eu jah demoro pra escolher a minah cerveja no cardapio do vila dionisio imagina nesse bar =]=]=]. Enforcar aula para tomar cerveja, já fiz muito isso, mas infelizmente era brahma e não 300 variedades, eita desse jeito eh ate legal ser universitario de novo huahauhauhauha. E a arte com as tampinhas, senhor tem que ser BOM e ter MUITA paciencia.

Deixe um comentário