Cadastre-se

Detalhe da Avaliação

Áustria BrejasBrejas 30 de Maio de 2009 6980
(Atualizado: 08 de Julho de 2011)
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
8/10
Essa minha Samichlaus Helles foi uma "bottled in 2007".

Traz uma aparência parecida com a da Samichlaus tradicional. Sua tonalidade é acobreada, porém mais puxada para algo entre marrom escuro e vermelho. Mostra uma translucidez enganosa, demonstrando menos densidade do que de fato possui. Sua espuma se estabeleceu de forma tímida demais (menos de um dedo de altura) e sumiu da minha taça em instantes. Sendo assim, praticamente não repousou lacing nas laterais da tacinha.

Seu aroma é de um xarope maltado complexo. Desprende com grande facilidade e potência notas que remetem a impressões periféricas de malte: caramelo, mel, melaço, biscoito/toffee, madeira/carvalho, leve torrefação, frutas secas, ameixas, passas, damascos, frutas vermelhas, cerejas, framboesas, uvas roxas, Porto. Traz uma ligeira volatização de álcool que não prejudica o olfato. Traz também algo de amêndoas, nozes e whisky. No entanto, senti falta do lúpulo e isso já deu indícios de que essa não seria uma cerveja equilibrada.

No paladar, se mostrou intensamente doce desde o início. Dominam as sensações carameladas, amadeiradas e torradas durante todo o gole, sempre com um fundo picante de álcool e de frutado seco de frutas escuras e secas. O retrogosto é seco, defumado e quente/alcóolico, remetendo essencialmente a madeira, a caramelado/queimado e a brandy. O corpo dessa cerveja é denso, com textura igual a de um licor. Sua carbonatação é média/fraca e traz uma sutil crocância, percebida somente como muita atenção. Seu álcool é muitíssimo forte, plenamente notável. A drinkability é baixa, bastante limitada, não por ser ruim, mas sim porque o álcool torna a cerveja um pouquinho enjoativa. Essa Samichlaus é feita ou para dividir ou para ser tomada muito lentamente.

Essa versão Helles se assemelha bastante à Samichlaus tradicional (rótulo preto). Lembra vagamente uma doppelbock, mas é claramente um "licor de malte". Lúpulo é totalmente imperceptível, seja no aroma ou no paladar. Portanto, não é um rótulo equilibrado. Para não enjoar, deve ser degustada vagarosamente e, de preferência, harmonizada. Excelente rótulo para apreciar à temperatura ambiente, sem nem precisar gelar. Para o meu gosto, é muito agradável e casa perfeitamente com um gélido inverno. Se alguém não consegue identificar malte em uma cerveja, por favor deguste a Samichlaus e aprenda.

Detalhes

Degustada em
08/Julho/2011
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Andina
Preço
R$28
Denunciar esta avaliação Considera esta avaliação útil? 0 0

Comentários

Para escrever uma avaliação registre-se ou faça seu .

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se