Cadastre-se

Detalhe da Avaliação

Bélgica Mauricio BeltramelliMauricio Beltramelli 05 de Fevereiro de 2009 12205
(Atualizado: 11 de Maio de 2013)
Avaliação Geral 
 
4.6
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
Estamos tão acostumados a ter esta joia sempre à mão no mercado nacional que pouca gente se dá conta do seu valor. Esta ótima gueuze é o rótulo de prestígio da cervejaria Boon. A maior parte das gueuzes é um blend entre lambics de 1, 2 e 3 anos de idade, em proporções variáveis. Neste exemplar, entra uma gigantesca proporção de nada menos que 95% de lambic completamente madura, com 3 anos de idade, e só 5% de lambic jovem - apenas para produzir carbonatação na garrafa. Ou seja, ela exibe toda a profundidade e o caráter da lambic velha da cervejaria, acentuando sua complexidade aromática e sua estrutura na boca. As anotações foram colhidas da degustação da safra 2008, engarrafada em 2011. No copo, tem coloração alaranjada média, relativamente escura para o estilo, claridade razoável e espuma de boa persistência. O aroma entrega ondas de complexidade: primeiro sentem-se traços típicos de uma lambic madura, com intensas notas animais lembrando couro cru e uma elegante sensação terrosa-mineral sugerindo amêndoas cruas, que entrega a média de idade avançada do blend. O perfil frutado do estilo também está bem presente, mas demora um pouco mais para se abrir, revelando inicialmente uvas verdes/espumante e, com o tempo, um delicioso e pungente aroma de cerejas frescas. Ainda se percebem sensações de pimenta-do-reino e rosas (remete a uma tripel), notas acastanhadas, terrosas, algum cravo e toques sutis de violetas, caprílico, mel e defumação. Para quem está acostumado com o estilo, impressiona pela complexidade. Na boca, a acidez inicial é intensa e, ao longo do gole, vai dando lugar a um amargor tânico acentuado que predomina levemente no longuíssimo e estruturado final, seco e adstringente com sabor de rosas e amêndoas. Pouquíssima doçura, brevemente sentida no início do gole. Como ela tem 8% de álcool, incomum no estilo, sente-se a "mordida" do álcool, que se combina com o amargor tânico para torná-la uma gueuze "de impacto". O corpo é muito leve, crocante apesar da carbonatação parecer estar ligeiramente abaixo da média do estilo. Degustação obrigatória para os apreciadores do estilo, e uma excelente opção para os que não estão acostumados entenderem o que é uma gueuze tradicional. É uma cerveja que cresce junto com o seu aprendizado cervejeiro, e que, a cada degustação, vai se mostrando mais e mais interessante.

Detalhes

Degustada em
26/Abril/2010
Envasamento
Volume em ml
375 ml
Onde comprou
Beer4U
Preço
R$ 27,90
Denunciar esta avaliação Considera esta avaliação útil? 5 0

Comentários

Para escrever uma avaliação registre-se ou faça seu .

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se