Cadastre-se

Detalhe da Avaliação

Bornem dubbel.jpg
Bélgica Carlos FonzarCarlos Fonzar 02 de Março de 2014 2420
(Atualizado: 09 de Outubro de 2014)
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
A cervejaria belga "Van Steenberge" fica na pequena vila de Ertvelde, município de Evergem. Fundada por Jean Baptise De Bruin em 1784, inicialmente recebeu o nome "De Peer". Jean faleceu cedo e sua esposa assumiu o negócio. Anos mais tarde, após a morte da esposa, a cervejaria foi herdada por um primo dela, Jozef Schelfaut, que já executava o papel de mestre cervejeiro na fábrica. Com a morte de Jozef a cervejaria ficou para sua filha que então se casou com Paul Van Steenberge, um professor de microbiologia. Em 1919 Paul mudou o nome da cervejaria para "Bios". Seu filho e, mais tarde, seu neto foram os herdeiros posteriores. Em meados de 1960 a cervejaria finalmente recebeu o nome da família, "Van Steenberge".

Hoje sob o comando da sétima geração, a cervejaria exporta para diversos países do mundo com foco maior nos Estados Unidos, Holanda e Itália.

"Bornem" é o nome de um município belga (localizado na província da Antuérpia) e também desta linha de cervejas de abadia refermentadas na garrafa. Além da versão "Dubbel" ela também possui uma 'Tripel'.

Aroma alcoólico ligeiramente amadeirado. Notas de frutas secas como ameixa e uva passa misturam-se a traços de malte tostado e caramelo com leve 'toffee' e baunilha. Nuances de levedura belga e pimenta vermelha salpicam ao fundo. Muito bom.

Líquido castanho escuro, praticamente opaco, com pouquíssima passagem de luz nas extremidades. Na taça exibe belo colarinho bege de dois dedos feito de bolhas pequenas com longa persistência.

De corpo médio-alto e textura aerada, tem sabor levemente adocicado pontuado por malte tostado e caramelo, remetendo à 'toffee' e baunilha. Notas de ameixa seca, uva passa e madeira surgem meio a pitadas de especiarias e moderado amargor. O álcool apesar de evidente não incomoda ao proporcionar um confortante aquecimento das mucosas. Discreta presença de taninos enseja um final equilibrado que dá conta de "secar" um pouco toda a carga prévia de ésteres e açúcar. Ligeiro tostado permeia o retrogosto com ecos de madeira e baunilha.

Boníssima 'Belgian Dubbel' por um preço razoavelmente acessível. Vale conhecer.

Detalhes

Degustada em
09/Outubro/2014
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Tauste, Marília - SP
Preço
R$ 11,98
Denunciar esta avaliação Considera esta avaliação útil? 0 0

Comentários

Para escrever uma avaliação registre-se ou faça seu .

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se