Cadastre-se

Westvleteren Abt 12

Hot
Mauricio Beltramelli
 
4.7 (108)
114984   0   16  

Avaliações dos usuários

108 avaliações

 
(91)
 
(17)
3 estrelas
 
(0)
2 estrelas
 
(0)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
4.7
Aroma 
 
9/10  (108)
Aparência 
 
5/5  (108)
Sabor 
 
19/20  (108)
Sensação 
 
5/5  (108)
Conjunto 
 
9/10  (108)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
De volta ao item
108 resultados - mostrando 31 - 35
« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 ... »
Ordenar
Avaliação Geral 
 
4.7
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
10/10
Imaginem a expectativa de degustar a cerveja considerada por muitos especialistas como sendo a MELHOR do mundo...não é fácil, ainda mais pra mim que sou principiante, mas tive o prazer e privilégio de participar de uma degustação com dois grandes amigos, Fábio Campos (2° melhor sommelier do Brasil) e Antônio Roberto, grande amigo e cervejeiro caseiro como eu. Não sou especialista, pretendo aperfeiçoar minhas técnicas de degustação, pois sei que cerveja é um mundo complexo e maravilhoso demais, e percebi isso nessa degustação, na qual fizemos um comparativo entre a Westvleteren 12, St Bernardus Abt 12 e algumas outras, vamos à minha experiência.

Coloração castanho profundo, formação linda de espuma mesmo derramando delicadamente a cerveja na taça, apresentando um creme denso e muito persistente, até a última gota.

Descrevo minha experiência em 3 níveis:

1° - no início um aroma muito bom de madeira, frutas secas, castanhas e vinho do porto...

2° - na metade o aroma já havia mudado para frutas amarelas e frutas cristalizadas....

3° - no final mudou demais, senti muito açúcar caramelizado e figo em calda.....

Final longo, adocicado, álcool muito equilibrado, senti um certo calor mas estava com roupas escuras e em um ambiente não muito climatizado, creio que isso tenha aumentado minha sensação de calor, pois a cerveja é muito equilibrada no paladar.

Na minha opinião esta cerveja é fascinante neste nosso mundo cervejeiro...é uma das poucas que ao degustar mudava tanto minhas sensações e opiniões...

Com certeza, pra mim.......a melhor do mundo até hoje.

Espero ter outra ótimas experiências como esta.

Cheers!

Detalhes

Envasamento
Volume em ml
330 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 10 de Agosto de 2014)
Avaliação Geral 
 
3.9
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
14/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
8/10
A tão esperada abertura de uma Westy, muita expectativa.
Mas, 35 IBU's não ia dar certo!

Ao abrir a garrafa, a explosão de aromas é notadamente
evidente. Menção honrosa ao trabalho dos monges.

Três segundos após o primeiro gole, o amargor toma conta
e maqueia o sabor, prejudicando a sua pontuação.

A degustação decorreu-se em 25 minutos. Ao final do copo,
com os terminais gustativos já saturados de lúpulo, começo
então a vislumbrar aos poucos as notas de sabor. Mas já era
tarde, tinha sobrado pouca cerveja na taça.

Pessoal, desculpem, mas é orgânico! Meu parâmetro máximo de
amargor é Bitter 20. Até gosto de amargor, mas ele alí, sentadinho,
sem muita estripulia.
Mas ainda prefiro a "ligth" St. Bernardus como minha Abt preferida.

Às felizes pessoas hipo-sensíveis ao amargo, cabe a apreciação total
deste nectar.

Detalhes

Degustada em
10/Agosto/2014
Envasamento
Volume em ml
355 ml
Onde comprou
ML
Preço
R$130,00
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 08 de Maio de 2014)
Avaliação Geral 
 
4.8
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
20/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
10/10
Trata-se de uma Belgian Quadrupel, de cor turva e boa formação de espuma. Aroma de frutas secas, como ameixa, o álcool aparece, mas diante do gosto doce e um leve amargor é passa um pouco despercebido e, é de longe a melhor cerveja que eu já degustei !!

Detalhes

Envasamento
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Mercado Livre
Preço
R$ 120,00
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.8
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
19/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
10/10
Excelente cerveja! Espetacular. Bela aparência, forma uma espuma entre média e grande, meio cremosa, com boa quantidade de bolhas, bege levemente clara, meio duradoura. Deixa uma boa renda no copo, lágrimas de álcool moderadas. Calma e meio nublada. Partículas suspensas entre pouco e média, claras, meio flutuantes. Bela coloração marrom meio escura. Aroma espetacular, rico, fino, complexo, exuberante, com malte entre médio e intenso, um tanto caramelo, tostado, meio pão, traços de nozes. Lúpulo entre leve e médio, meio ervas, leve floral, traços de resina. Álcool médio, fino. Ainda notas de ameixa seca, temperos, um tanto uva passa, frutas secas, leve açúcar mascavo, traços de licor e pera. Sabor idem ao aroma, de longa duração, doçura inicial meio leve, amargor entre leve e moderado, mais a influência do álcool moderado sem atrapalhar. Reflete todas as características do aroma, talvez com menor presença do lúpulo e nas notas do malte com presença maior do caramelo. Corpo médio, textura cremosa, carbonatação entre borbulhante e vívida, final bem duradouro, meio amargo e meio seca.

Destaque para o grau de afinação entre uma imensidão de características, deixando tudo aparecer. Aromas, sabores e sensação na boca perfeitos. Obra de arte.
Cheers!

Detalhes

Degustada em
12/Abril/2014
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.8
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
20/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
10/10
Líquido turvo de coloração marrom escura, tons de aparência amadeirada. Creme bege de média formação, muito consistente, e uma fina camada coroou o líquido ao longo da degustação.
Aroma se espalhou rapidamente assim que a garrafa foi aberta, melaço, frutas secas, madeira, especiarias, castanhas e chocolate foram assimiladas nessa ordem, além do álcool que volatilizou até o final da taça. Ao passo que o líquido esquentou na taça, a presença e intensidade de cada nota variou muito. Lembro-me de uma fruta que se tornou presente na metade final da degustação, figo maduro fresco e figo seco, além do melaço e madeira perfumada, marcante.
No sabor, o mesmo fenômeno ocorreu, sendo que o perfume da madeira, e talvez de alguma especiaria (vislumbre de anis) que refrescou muito o líquido à boca no retrogosto (em alguns momentos até uma sensação de frescor de ervas, como menta), além do próprio álcool que trabalhou nesse sentido, esquentando a garganta e refrescando a cada novo gole, foram muito distintivos, e, mais uma vez, o figo esteve presente de forma magistral no sabor. Considerando-se toda essa viagem no paladar, o final e retrogosto são extremamente agradáveis, refrescante, levemente seco, incitando o próximo gole. Trouxe-me a sensação de um licor refrescante.
Westvleteren 12 me arrebatou pela grande jornada organoléptica de aroma e sabor mutáveis e em perfeita harmonia. Um detalhe muito interessante é o álcool sempre presente, que destoa, mas exatamente essa presença do álcool regula a harmonia com os outros aspectos dessa cerveja. Tudo na medida, corpo, dulçor, amargor, madeira, e retrogosto limpo. Que oportunidade!

Detalhes

Degustada em
04/Abril/2014
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
108 resultados - mostrando 31 - 35
« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 ... »

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se