Cadastre-se

Detalhe da Avaliação

Brasil Mauricio BeltramelliMauricio Beltramelli 06 de Fevereiro de 2011 3760
(Atualizado: 26 de Novembro de 2011)
Avaliação Geral 
 
3.7
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
7/10
A aparência dessa Weizenbock é bastante escura, marrom, acobreada, cor de chocolate mesmo. Possui leve efervescência, com aspecto bem denso e profundo. Com o final da garrafa, veio um fermento que turvou completamente a cerveja, deixando muitas partículas em suspensão. Forma uma camada imensa de creme bege, fofo, disforme e com bolhas grandes, que permanece bastante tempo no copo e traz boa aderência.

O aroma é bem forte e desprende sem dificuldades. Inicialmente, percebe-se muito fenólico de cravo. E há também intensa presença floral de lúpulo. Possui um off-flavor de sabão bem intenso, mas que dissipa após um tempo. Sensações periféricas de malte, como tostado, café, chocolate, toffee, são sutis e acabam encobertas pelas demais sensações, mas podem ser percebidas à medida que a cerveja vai esquentando. Traz também um pouco de sensação de doce de banana. Apresenta forte álcool volatilizado.

Paladar bastante intenso, predominando as sensações tostadas, além de frutas escuras e secas e um vinoso/alcóolico bastante forte, como no aroma. Cerveja com notas bem nítidas de café/chocolate, ameixas/passas, com forte picância alcóolica e um amargor residual bastante saboroso, principalmente no denso final do gole. Retrogosto seco, quente/picante, prolongado, com leve adstringência e notas de frutado seco e tostado, defumação, madeira e café. Cerveja de corpo médio, sedoso e macio. Possui carbonatação mediana e precisa para o estilo, com crocância adequada. Apesar do teor alcóolico, traz um álcool que parece mais forte e, portanto, destoa em certos momentos. A drinkability é mediana, pois é uma cerveja potente demais, que chega a ser um pouquinho enjoativa.

Essa foi a terceira Alenda que degustei, terminando no estilo mais potente da cervejaria. Surpreendeu pela potência. Achei ela desequilibrada em determinados momentos, mas extremamente marcante em termos de retrogosto e sensações tostadas. Traz álcool muito forte e não muito bem encaixado no conjunto. Mas no geral, agradou. É uma Weizenbock de muito respeito. Recomendo sim, sem pudores.

Detalhes

Degustada em
20/Novembro/2011
Envasamento
Volume em ml
600 ml
Onde comprou
Produtor
Denunciar esta avaliação Considera esta avaliação útil? 0 0

Comentários

Para escrever uma avaliação registre-se ou faça seu .

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se