Cadastre-se

Founders Breakfast Stout

Hot
Brejas 05 de Novembro de 2010
 
4.4 (68)
11548   0   13  

Avaliações dos usuários

35 avaliações com 5 estrelas

68 avaliações

 
(35)
 
(33)
3 estrelas
 
(0)
2 estrelas
 
(0)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
4.4
Aroma 
 
8/10  (68)
Aparência 
 
5/5  (68)
Sabor 
 
18/20  (68)
Sensação 
 
5/5  (68)
Conjunto 
 
9/10  (68)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
De volta ao item
35 resultados - mostrando 1 - 5
1 2 3 4 5 6 7
Ordenar
(Atualizado: 24 de Abril de 2020)
Avaliação Geral 
 
5.0
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
20/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
10/10
É quase uma obra de arte. Cerveja nota máxima pois não sei como seria melhor. Uma ótima stout. Café e chocolate amargo são os destaques desta Cerveja. Corpo bem equilibrado, parece que está tomando um café . O final seco sempre pede um gole a mais. A drinkabilidade é média, mas é para ser assim mesmo, sendo degustada gole a gole.....
... lentamente...

Corpo cor preta opaca com baixa formação de espuma e duração.
Aroma chocolate amargo, torrefação, café e fumaça, cinzas. O café ao longo da degustação predomina., aparentando um café moído na hora
Sabor traduz o aroma, trazendo basicamente as mesmas notas, com o chocolate e café mais evidentes. Ao passar do tempos, as notas de café vão ficando na boca.
Corpo seco, médio. Apesar dos 8.3 do álcool, ele está extremamente bem inserido. O amargor alto baixo e a textura, cremosa em um corpo cheio (full bodie), quase um capuccino (copiado de outra avaliação aqui)
Final café, tipo borra que fica na boca depois de um gole de café, torrado, álcool (mais na força do corpo) e seco.

Detalhes

Degustada em
25/Julho/2020
Envasamento
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.6
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
19/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
Após provar uma terrível peanut stout da Beaver Brewery eu ja havia desistido das cervejas americanas, até descobrir a Founders Brewery. Não tenho dúvidas que é uma das melhores do mundo. A brekfast sua cerveja preta suave (se comparada a KBS ou CBS) é absolutamente deliciosa, e venceu o trauma da Beaver. Cerveja negra de espuma escura, bonita. Cheiro de café muito destacada, cacau como em chocolate amargo e aveia. Sabor de cacau, café, pouco lupulo, muitos grãos torrados, retrogosto amargo porém refrescante, saboroso e achocolatado. Enfim, excelente experiência.

Detalhes

Degustada em
13/Julho/2018
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Preço
Cara
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 1
Avaliação Geral 
 
4.6
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10

Detalhes

Envasamento
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.5
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
Essa cerveja é sacanagem
Como fazer um imperial stout
Álcool bem inserido
Abundância de aroma e sabores
Com destaque para o chocolate
Sensacional

Detalhes

Degustada em
02/Abril/2017
Envasamento
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.6
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
E hoje tomei o primeiro mingau de cerveja da minha vida... Duvida? Então leia e comprove.

Espuma marrom clara com algum brilho, boa formação e duração, linda aderência flocada na taça. O líquido é negro, de um escuro bem denso, cortado vivamente pela alta carbonatação.
O intenso aroma entregou, inicialmente, mais chocolate amargo belga do que café, malte torrado, baunilha, suave frescor lupulado, mentolado, além de um cereal suculento.
Na boca, o início insinua acidez e adstringência, porém não passa disso. O sabor reflete o aroma, mas agora o café sobressai em relação ao chocolate. E, de novo, o cereal suculento está lá... ainda sem a certeza para afirmar qual é, por óbvio que pareça. Final um pouco seco e salino, tanto mais conforme a bebida esquenta. E mesmo que sua temperatura vá aumentando, o álcool jamais sobressai, perfeitamente inserido que está. Amargor impecável; intenso na presença, suave na sensação.
Em alguns momentos lembra uma torta de chocolate, daquelas feitas com puro cacau, quando a porção já está se liquefazendo na boca.
Bastante encorpada, com oleosidade inicial que imediatamente dá espaço a uma fluidez aveludada. Drincabilidade convidativa, ainda que não necessariamente alta.
Retrogosto: se houvesse um item específico para essa parte, levaria nota 10. Não me lembro de ter experimentado antes uma stout que deixasse naturalmente, tanto tempo após as impressões iniciais do retrogosto, a sensação de "boca limpa", com acidez zero, leve como se tivesse tomado água para limpá-la, mas com uma deliciosa e persistente sombra de café e chocolate.

Por fim, o mingau dos deuses: empolgado com a degustação, ao ver um pote de farelo de aveia por perto, pus duas colheres num copo vazio e acresci um pouco da Breakfast Stout, apenas o suficiente para dar uma consistência cremosa à mistura. Ao provar o "mingau"... não é que aquele tal "cereal suculento" percebido no aroma e na bebida era aveia mesmo? Apenas estava, é claro, em concentração muito menor do que na exótica sobremesa que improvisei.

O que mais dizer? Cerveja para lamber os beiços, literalmente!

(Conjunto: 9,5)

Detalhes

Envasamento
Volume em ml
355 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
35 resultados - mostrando 1 - 5
1 2 3 4 5 6 7

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se