Cadastre-se

Goose Island Pere Jacques

Mauricio Beltramelli 12 de Outubro de 2010
 
4.0 (7)
3970   0   1  

Avaliações dos usuários

6 avaliações com 4 estrelas

7 avaliações

 
(1)
 
(6)
3 estrelas
 
(0)
2 estrelas
 
(0)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10  (7)
Aparência 
 
4/5  (7)
Sabor 
 
16/20  (7)
Sensação 
 
4/5  (7)
Conjunto 
 
8/10  (7)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
De volta ao item
6 resultados - mostrando 1 - 5
1 2
Ordenar
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Essa dubbel americana é tão complexa ou mais que as dubbels belgas.
Sua cor é cobre translúcida e seu creme tem pouca formação e persistência.
Seu aroma é frutado com malte caramelo intenso e notas de açúcar mascavo, mel
banana e toffee. O sabor acompanha o aroma com notas adicionais de levedura
belga gerando dulçor e amargor suaves. Álcool aparece bem suave. Corpo médio
com carbonatação moderada e textura quente. Um conjunto muito bom, aliando
intensidade, equilíbrio e complexidade. Altamente recomendada!

Destaque: Degustada nas ilustres presenças dos confrades Sangion, Balbin e Crux.

Detalhes

Degustada em
04/Setembro/2012
Envasamento
Volume em ml
650 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Temperatura de degustação: Dez graus Celsius.
Cor: Amarronzada medianamente turva, quando contra a luz exibe nuances avermelhadas.
Creme: Média formação de creme bege, com fina camada persistente.
Aroma: Bastante frutado, remetendo à frutas vermelhas, ameixas pretas e até um pouco de banana; além de madeira, vinho do porto e conhaque. Álcool bem inserido, não agride as narinas.
Sabor: Predominantemente maltado, acompanha o aroma, com final levemente amargo e seco que perdura por um longo tempo, com retrogosto lembrando leve café, caramelo e ameixa. Muito boa!

Detalhes

Degustada em
06/Setembro/2013
Envasamento
Volume em ml
650 ml
Onde comprou
NY
Preço
US$ 8.85
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
SAFRA 2011
Essa belíssima breja apresentou uma coloração rubi pouco translucida, uma espuma cor de creme de média formação e persistência. No aroma notas de caramelo, madeira, alcool volatilizando, cereais tostados e torrefados, mel, damasco, ameixas e baunilha. Noa boca ela é predominantemente adocicada, licorosa e quente, de baixa carbonatação e super encorpada. Uma Obra Prima

Detalhes

Degustada em
05/Fevereiro/2012
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Glauco
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
3.8
Aroma 
 
6/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Safra 2011.

Cerveja muito equilibrada. Impressiona pela feitura, tudo está no lugar. Talvez um pouco mais de creme e ela seria ainda melhor. A coloração é um rubi fechado, com pouca passagem de luz. O creme, como disse, é fino, de pouquíssima duração. Coloração bege.

O aroma é maltado, remetendo a caramelo queimado.

No paladar o caramelo aparece no retrogosto, que é longo, mas puxando para uma secura. A cerveja é licorosa, grossa, enche a boca.

Melhor que muita Dubbel Belga de origem.

Cervejaça.

Detalhes

Degustada em
08/Abril/2012
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Glauco
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 04 de Setembro de 2012)
Avaliação Geral 
 
3.9
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Aroma de bala toffee, licoroso e um fundo de madeira. Também muito destacado o torta de banana e a groselha.
Lembra um brandy ou um vinho do porto, mas de forma discreta, obviamente, pois não tem a intensidade dos dois.

Cor de chá preto com raios avermelhados, marrom escura, com creme bege e de média altura e média duração.

Mas já que falamos de intensidade, esta aqui é sim uma breja intensa.
Complexa, cheia de nuances entre a complexidade do malte e seu dulçor e o lúpulo Saaz, colaborando com seu frescor para equilibrar o conjunto.

Uma cerveja encorpada, untuosa e de álcool perceptível no calor da garganta. O álcool também aparece no aroma, principalmente à medida que a cerveja vai esquentando.

Não é daquelas pra tomar várias, mas com certeza acompanhará bem uma noite mais fria, numa degustação sem pressa.

Detalhes

Degustada em
21/Novembro/2010
Envasamento
Onde comprou
Presente do Mau
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
6 resultados - mostrando 1 - 5
1 2

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se