Cadastre-se

Creedence Brasil WeissBier 18 Anos

Rogério Franzini
 
4.6 (4)
9683   0   1  
 
Escrever Avaliação
Adicionar a uma lista
Creedence Brasil WeissBier 18 Anos

Informações

Cervejaria
Álcool (%)
5.5% ABV
IBU
24
Cor SRM
6,00
Ingredientes
ÁGUA, MALTE DE CEVADA, MALTE DE TRIGO LÚPULO E LEVEDURA. CONTÉM GLÚTEM.
Ativa
Temperatura
Copo ideal

Cerveja de trigo de cor levemente âmbar com leve amargor seco, encorpada e frutada com aromas de banana e cravo que se intensificam com as notas de cítrico e aroma de floresta úmida, o que lhe dá uma característica única. Possui um retrogosto que podemos denominar de "Verde", por isso lembra muito o cheiro de uma floresta úmida.

Avaliações dos usuários

4 avaliações

5 estrelas
 
(3)
4 estrelas
 
(1)
3 estrelas
 
(0)
2 estrelas
 
(0)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
4.6
Aroma 
 
10/10  (4)
Aparência 
 
4/5  (4)
Sabor 
 
18/20  (4)
Sensação 
 
5/5  (4)
Conjunto 
 
10/10  (4)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
Avaliação Geral 
 
4.8
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
19/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
10/10
Não pense em uma simples cerveja de trigo! Além dos aromas de banana e cravo tradicionais, você encontrara os aromas cítricos do lúpulo de dry-hopping.
A cerveja é encorpada porém com uma drinkability excelente, e o final é lúpulado e seco, implorando um novo gole. Vale muito a Pena!

Detalhes

Degustada em
23/Março/2012
Envasamento
Volume em ml
500 ml
Onde comprou
Rogério Franzini
Preço
Permuta
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Muitas vezes eu me pergunto de onde saem as receitas para a criação de uma cerveja. Preferência pessoal talvez, ingredientes favoritos, escolha adequada dos insumos, paixão, erro, acaso, sorte, comemoração... Infinitos podem ser os motivos para se criar esse precioso líquido. No caso da Creedence Brasil o motivo foi a paixão pelo prazer em degustar uma cerveja, uma experiência sensorial, que segundo Rogério Franzini, nasceu quando ele ainda era adolescente. Moço viajado, experiente, músico de nascença, dono de um caráter invejável, empreendedor e por que não, visionário! Há mais de um ano atrás, em um de nossos encontros no Hooligans Pub, “Franzico” (como é carinhosamente chamado) me contou sobre o plano da Eletro Silvino em conceber uma cerveja comemorativa, que iria celebrar os 18 anos de vida da banda. Lembro que na época achei genial, fiquei realmente entusiasmado e desejei toda a sorte do mundo aos caras. Como aficionados por cervejas de trigo, a ideia era criar uma Weissbier impactante, uma cerveja que fugisse do padrão universal do estilo, quebrando barreiras, e certamente, merecendo respeito. Foi então que as conversas com Luciano Wengrzinski (proprietário da Wensky Beer) começaram e foi ganhando cor, aroma e sabor à medida que eles se encontravam. E não pensem que a coisa foi assim fácil de resolver, foram vários encontros, inúmeras degustações, escolheram a dedo todos os ingredientes usados na formulação da breja, os lúpulos passaram de mão em mão, nariz a nariz, bem como os maltes, a garrafa, o rótulo e tudo o que envolve uma grande criação cervejeira. Luciano entrou com o conhecimento e estrutura, e isso certamente foi fundamental para o resultado final, a banda teve a incumbência de escolher os insumos e procurar pelo sabor exato de que tanto imaginavam (e procuravam!). E foi isso que aconteceu, a Creedence Brasil Weissbier 18 anos é uma cerveja projetada para fugir à regra e agradar primeiramente os rapazes da banda. Sim, porque não estamos falando de uma Weissbier frutadinha, repleta de ésteres de banana e sugestões de especiarias, cravo e blá blá blá. Não, muito ao contrário, trata-se de uma cerveja muito lupulada e de caráter seco, “verde”, marcante. Ao despejá-la no copo é impossível não começar a se surpreender. A cor, um alaranjado escuro muito turvo, ganha as dimensões do Weizen e sua espuma (mesmo sem a refermentação em garrafa) se forma brilhantemente, sujando toda a extensão do recipiente e se mantendo firme, com pelos menos um dedo de espessura te o final. No nariz os lúpulos ganham vida e destaque, um dry-hopping incomum para as cervejas de trigo a transforma num verdadeiro presente para os apreciadores, a sensação é quase de estar tomando uma Bitter inglesa ou uma Pale Ale americana. Estes lúpulos possuem caráter cítrico e herbal definidos, não é à toa que no rótulo a descrição mencione “floresta”, é exatamente isso que acontece. Já no sabor a breja mostra carbonatação média, secura deliciosamente peculiar, novamente muito lúpulo e sugestões de fermento e pão, um contraste digno de menção. Sua drinkability é nada menos que excepcional, talvez por conta do caráter seco da breja os goles acabam acontecendo inevitavelmente um atrás do outro e pasme, ela não enjoa, não agride, só alimenta e sustenta. Seu final não poderia ser diferente, amargo e curto, com lúpulos herbais aparecendo delicadamente no retrogosto. Eu só tenho a agradecer o presente, o carinho e a amizade que há quase dois anos permeiam nossa existência. Franzico, Belegone, Fabinho e Hederson, parabéns! Parabéns pela ousadia, pela sobriedade, coragem e seriedade do projeto, que, aliás, tive o prazer de acompanhar desde a “pedra fundamental”. Que esta congratulação obviamente também se estenda ao amigo Luciano, mais uma pessoa fantástica neste mundão cervejeiro de Deus. Toda a sorte do mundo a vocês, nobres irmãos, e que junto com este projeto nasça outros semelhantes, que com suor, trabalho e persistência certamente irão se concretizar. Um forte abraço na alma!

Detalhes

Degustada em
15/Março/2012
Envasamento
Volume em ml
500 ml
Onde comprou
Entregue em mãos pelos caras do Creedence Brasil
Preço
Inestimável
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 1 0
(Atualizado: 27 de Janeiro de 2012)
Avaliação Geral 
 
4.8
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
10/10
Uma cerveja do estilo Weiss com aromas únicos, lembrando o verde do lúpulo de uma forma sensacional. Um corpo leve e de ótimo drinkability, cor ambar e retrogosto de lúpulo. No aroma se tem a impressão de uma cerveja de alto amargor devido a presença de lúpulo se sobresaindo em relação aos aromas tradicionais das weiss como banana, cravo e pêra porém ao se colocar na boca o amargor é balanceado com o doce do malte devido ter passado pelo processo de dry hop.

Detalhes

Degustada em
20/Dezembro/2012
Envasamento
Volume em ml
500 ml
Onde comprou
fábrica
Preço
12,00
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 04 de Janeiro de 2012)
Avaliação Geral 
 
4.7
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
10/10
"A VERDADEIRA CERVEJA DO ROCKNROLL'

Como degustador saboreava as Alemãs, sentía propriedades únicas de lúpulo nelas, gosto e retrogosto suaves e com um cítrico que dava uma sensação muito boa além dos odores deliciosos.

Ao tomar uma Schneider Tap 5, percebí um gosto muito forte, lembrando aroma de pétala de rosa branca, que junto com o cheiro dela que lembra uma calda de abacaxi, isso saboreado gole a gole me dava uma refrescância semelhante a que você sente ao entrar numa mata úmida, aquele tipo de mata que o chão fica repleto de folhas secas e úmidas e a vegetação verde que da a sensação de frescor, achei que isso seria o mais fantástico a se explorar em uma cerveja weisse.

A Creedence Brasil WeissBier 18 Anos, foi elaborada com muito carinho e dedicação de todos da banda Creedence Brasil e Wensky Beer, inclusive do Luciano que diariamente acompanhava sua evolução e nos confidenciava resultados surpreendentes atingidos dia-a-dia, junto claro ao faro usado pelos nossos (todos os músicos da banda) narizes calibrados pelas weisses alemãs.....rsrsrsrs.

O resultado é uma cerveja equilibrada, de cor âmbar lembrando muito uma licher, com odor de floresta úmida e gosto delicioso de cítrico, algo que lembra as vezes até um tempero forte, uma raiz, drinkabillity excelente, você toma uma atrás da outra a não enjoa, 5,5% de Alcool e um retrogosto "verde", algo que reporta ao mesmo tempo a tradição alemã misturada a natureza exuberante do Brasil.

Vale a pena experimentar, pois é uma weisse nacional top de linha, feita com muita dedicação e muito empenho de quem explorou por anos as weisses mais saborosas do mercado mundial!

Detalhes

Degustada em
28/Novembro/2011
Envasamento
Volume em ml
500 ml
Onde comprou
Direto da Fábrica
Preço
13,00
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 1 0

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se