Cadastre-se

Mikkeller 19

Gustavo Guedes 15 de Novembro de 2012
 
4.0 (5)
1589   0   1  
 
Escrever Avaliação
Adicionar a uma lista
Mikkeller 19

Informações

Cervejaria
Álcool (%)
6.8% ABV
IBU
30
Cor SRM
7,00
Ingredientes
água, malte, e 19 tipos de lúpulo
Ativa
Sazonal
Temperatura
Copo ideal
A blend of those single hop IPAs:

Simcoe 17,14%, Citra 15,72%, Amarillo 14,29%, Sorachi Ace 10,71%, Bravo 6,79%, Columbus 6,79%, Cluster 4,64%, Warrior 4,64%, Cascade 3,57%, Centennial 3,57%, Palisade 2,86%, Challenger 1,43%, Galena 1,43%, Magnum 1,43%, Mt Hood 1,43%, Tettnanger 1,43%, Nugget 0,71%, Super Galena 0,71%, Williamette 0,71%.

Avaliações dos usuários

5 avaliações

5 estrelas
 
(0)
4 estrelas
 
(4)
3 estrelas
 
(1)
2 estrelas
 
(0)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10  (5)
Aparência 
 
4/5  (5)
Sabor 
 
16/20  (5)
Sensação 
 
4/5  (5)
Conjunto 
 
8/10  (5)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
(Atualizado: 19 de Outubro de 2014)
Avaliação Geral 
 
4.3
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
Esta Mikkeller 19 é do estilo Índia Pale Ale, sub-estilo American IPA, que caracteriza cervejas de alta fermentação, com bastante lúpulo, coloração até o cobre na paleta de cores e que se revelam intensas e refrescantes. Historicamente eram cervejas Pale Ale inglesas com uma graduação alcoólica e uma lupulagem maiores para que se conservassem durante as viagens rumo à colônia. As versões americanas para o estilo geralmente carregam ainda mais no lúpulo, dada a paixão pelo amargor da bela planta trepadeira. Apresentam-se ainda com boa carbonatação e com um corpo médio-leve, aromas cítricos e florais provenientes de variedades americanas de lúpulos. Muitos rótulos passam pelo método dry-hopping para intensificar o aroma do lúpulo.

Pesquisando descobri que a receita leva água, malte (pilsner, Munique e cara - crystal), flocos de aveia, lúpulo e levedura. Mas estou em dúvida se trata-se de uma brassagem única, com os referidos percentuais das citadas 19 (dezenove) variedades de lúpulo, ou se trata-se de um ‘blend’ das cervejas que levam os lúpulos individuais nas respectivas receitas (‘hop series’). De qualquer modo foi produzida nas instalações da cervejaria belga De Proef.

É cria da Cervejaria Mikkeller, fundada em 2006 na cidade de Copenhagen/Dinamarca por Mikkel Borg Bjergsø, então professor do ensino médio de matemática e física, e pelo jornalista Kristian Klarup Kellercujo. A produção das cervejas Mikkeller, exportada para mais de 40 países, se dá de forma nômade, utilizando as instalações de outras cervejarias o que acaba por divulgá-las e avalizá-las, além de economizar o dinheiro que corresponderia à montagem de instalações próprias. Há ainda bares Mikkeller em Copenhagen, Estocolmo, San Francisco e Bangkok. O portfólio é vastíssimo, com cervejas especiais (brassagem única), sazonais, comemorativas e continuadas. Este é o terceiro rótulo que degusto, mas tenho na adega algumas joias: Beer Geek Brunch, ‘X’ Imperial Stout, Black Hole, George, linha Forêt, Nelson Sauvin, Cù’t Cà Phê Bia e outros.

Validade é 13/03/2014. A garrafa é de 330 ml, cor marrom, tampa branca. O rótulo se apresenta multicolorido com desenhos que lembram a flor de lúpulo. No contra-rótulo menção à graduação alcoólica (ABV 6,8%), recomendação para manter em local escuro e fresco e as percentagens de variedades de lúpulo (tal como no descritivo do Brejas).

Vertida na taça revelou-se um líquido de coloração âmbar com mediana turbidez e que ostentou espuma branca de satisfatórias formação, consistência e manutenção; algumas rendas escorreram pela taça e um anel de creme restou perene ao longo da degustação. Perlage (bolhas) perceptível.

O aroma se revela bastante saliente e agradável, com bom equilíbrio entre adocicado e amargor. Imaginei que se trataria de uma bomba lupulada, mas o equilíbrio me surpreendeu. Foram percebidas notas de malte caramelo, pão, mel e um indiscutível festival de lúpulos com sensações de frutas cítricas, floral, herbal e pinho. O álcool é perceptível, mas suave.

No paladar o líquido se apresenta com uma textura aveludada e com ótimo equilíbrio malte/lúpulo. Inicialmente há um característico adocicado de malte caramelizado, seguido de mel e pão; na sequencia assoma-se à boca uma considerável carga de lúpulos de caráter cítrico, herbal, floral e pinho, mas de tal forma harmônica e inesperada que fiquei um tanto incrédulo a saborear as várias sensações proporcionadas por esse festival de variedades de lúpulo. O final é amargo e seco e o retrogosto é amargo, mas sem ser agressivo. O álcool de ABV 6,8% é notado, mas vem bem inserido e harmoniza o conjunto. O corpo e a carbonatação são médios. A palatabilidade (drinkability) é excepcional, bebe-se fácil!

Conjunto primoroso! Gostaria muito de repetir, mas creio que era uma raridade difícil de conseguir.

Recomendo!

Detalhes

Degustada em
19/Outubro/2014
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Preço
€ 5,50
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 23 de Setembro de 2013)
Avaliação Geral 
 
4.4
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
Líquido âmbar e turvo. Creme alvo de baixa formação e persistência, média consistência.
Aroma muito frutado, além de caramelo e toques herbáceos. No sabor, a fruta e caramelo aparecem primeiramente, logo o álcool esquenta e preenche a boca, trazendo todos os aspectos à tona. Final é levemente seco e amargo fresco. Retrogosto delicado herbáceo e amargo de média duração. O álcool nessa breja é perfeitamente inserido, e faz com o que as características da cerveja sejam valorizadas ao longo da degustação. Encorpada, se prende à boca muito agradavelmente, mas julgo que isso diminua sua drinkability. Para mim, esse aspecto é perfeito.
Mikkeller 19 foi uma experiência IPA ímpar, foi uma sensação indescritível, é um rótulo perfeitamente equilibrado! Tenho a dizer que até onde me lembro, foi a minha melhor degustação IPA levando todos os aspectos em consideração.

Detalhes

Degustada em
07/Março/2013
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Mamãe Bebidas
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
3.9
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Não esperava grande coisa e comprei mais pela singularidade de ser um blend de 19 single hops IPAs e depois de degustada acho que valeu o (caro) preço que paguei por ela. Coloração âmbar translúcida, sem sedimentos. No copo fez um belo e generoso creme bege que foi minguando durante a degustação mas sem desaparecer por completo. No aroma destacam-se os lúpulos, como é de esperar, mas também aparece bem notoriamente um dulçor altamente pronunciado. É a IPA com aroma mais doce que já degustei. Quando ela entra na boca a primeira coisa que sentimos é a excelente base maltada dela mas imediatamente aparece o amargor do lúpulo para tomar conta. O retrogosto é bem seco e amargo e persiste na língua durante um bom tempo. Corpo e carbonatação médias. IPA equilibradíssima e muito saborosa, só perdendo para a Centennial IPA da Founders no meu ránking pessoal de IPA's, repetiria com muito prazer se ela fosse mais acessível.

Detalhes

Degustada em
26/Fevereiro/2013
Envasamento
Volume em ml
355 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
3.4
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
13/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
8/10
Cor ambar para cobre, brilhante. Boa formação e persistência de espuma.
Aroma com notas cítricas, pinho e leve álcool, malte caramelo. Corpo médio, boa carbonatação. Sabor equilibrado, mas com dominio do lúpulo no final que seca a boca e perdura no aftertaste. Uma bela IPA, mas sem muito a acrscentar no estilo. Carece de personalidade.

http://panelademalte.blogspot.com.br/

Detalhes

Degustada em
16/Fevereiro/2013
Envasamento
Volume em ml
355 ml
Onde comprou
Buuguer Map
Preço
23,00
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Prazer, meu nome é lúpulo. Com a singela quantidade de 19 diferentes lúpulos em sua composição, a complexidade dessa cerveja a torna singular.
Ao abrir a tampinha branca, sem inscrições, onde só consta a data de fabricação, o aroma de lúpulo já é perceptível. Ao preciptar o líquido no copo a formação de espuma
é boa, e com execelente persistência. Aparência caramelada/acobreada. Na boca, difícil descrever o que ocorre. Parece que nossa boca é virada do avesso, por conta do amargor. Contudo, um tapa de malte entra logo em seguida, em contraposição.
Aroma:flores, mel, melaço,maracujá.
sabor: amargor acentuado, equilibrado pelo malte de forma maestral.
ESTUPENDA CERVEJA, no hall das melhores que já degustei.

Detalhes

Degustada em
16/Novembro/2012
Envasamento
Volume em ml
355 ml
Onde comprou
mamãe bebidas
Preço
28,00
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se