Cadastre-se

Wäls / Way Vanilla Hoppy Cookie

Alexandre Almeida Marcussi 27 de Março de 2014
 
3.7 (21)
2605   0   4  
 
Escrever Avaliação
Adicionar a uma lista
Wäls / Way Vanilla Hoppy Cookie

Informações

Álcool (%)
13% ABV
IBU
90
Ingredientes
Água, malte, lúpulo, baunilha e leveduras
Ativa
Temperatura
Copo ideal
Uma "invencionice", apelidada de Imperial Brown Ale, é o que a brincadeira das cervejarias WÄLS e WAY resultou. Uma seleção de 5 maltes, que em conjunto com baunilha, cria notas que remetem a um biscoito cookie artesanal. A potência do amargor do lúpulo Polaris gerou 90 IBU de puro equilíbrio. Teor alcoólico de 13%.

Fotos

Avaliações dos usuários

21 avaliações

5 estrelas
 
(0)
 
(15)
 
(5)
 
(1)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
3.7
Aroma 
 
7/10  (21)
Aparência 
 
4/5  (21)
Sabor 
 
15/20  (21)
Sensação 
 
4/5  (21)
Conjunto 
 
7/10  (21)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
Ver todas as avaliações Ver as mais úteis
Avaliação Geral 
 
3.3
Aroma 
 
6/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
13/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
6/10

Detalhes

Degustada em
27/Junho/2014
Envasamento
Volume em ml
355 ml
Onde comprou
Biergarten
Preço
R$ 0,00
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Excelente cerveja.
Bela aparência, forma uma espuma média, meio cremosa, bolhas moderadas, bege clara e um pouco duradoura. Deixa uma renda justa no copo e boas lágrimas de álcool ao girar o copo. Ligeiramente nublada e um pouco borbulhante. Coloração marrom escura, levemente avermelhada.
Aroma delicioso, bem complexo, malte entre médio e intenso, um tanto caramelo escuro, tostado e meio toffee. Lúpulo médio, meio ervas, leve resina, cítrico e floral. Álcool entre leve e moderado. Ainda leve vinho do porto, frutas cristalizadas, uva passa, frutas secas, baunilha, licor e traços de temperos.
Sabor bem agradável, longa duração, doçura entre leve e moderada, amargor entre moderado e intenso, meio álcool, reflete muito bem as notas do aroma, com belas notas do malte, do álcool e algo de lúpulo, com a baunilha bem discreta.
Corpo entre médio e intenso, textura meio alcoólica, carbonatação entre média e leve, final duradouro, amargo, levemente picante e levemente seco.

Destaque para a bela complexidade de aromas entre notas maltadas, alcoólicas e lupuladas.
Cheers!

Detalhes

Degustada em
18/Fevereiro/2016
Envasamento
Volume em ml
375 ml
Onde comprou
Mamãe Bebidas, Belo Horizonte - MG
Preço
R$ 15,40
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
2.9
Aroma 
 
6/10
Aparência 
 
2/5
Sabor 
 
11/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
6/10
não é uma cerveja fácil. essa parceria entre Wäls e Way passa por um estágio de maturação antes de ser engarrafada e é altamente maltada e lupulada, com o amargor atenuado pela adição de baunilha. forma pouca espuma e, com seus 13% de álcool, tem uma consistência licorosa, o que lhe dá corpo de sobra e casa com o dulçor amargo da receita, sacrificando a "drinkability". o aroma corresponde ao álcool presente e, no copo, ela se parece com a Wäls Petroleum, o que também se estende a certo gosto de tostado e de torrefação na boca, ainda que em bem menor escala.

não é uma cerveja ruim, mas esperava mais dela.

Detalhes

Envasamento
Volume em ml
375 ml
Onde comprou
beershop.com.br
Preço
24,90
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 20 de Outubro de 2014)
Avaliação Geral 
 
3.6
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
14/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
7/10
Uma das coisas mais legais no universo das cervejas artesanais é quando duas cervejarias se juntam na criação de um rótulo inédito colaborativo. É o caso da Vanilla Hoppy Cookie, fruto da parceria entre os paranaenses da WayBeer com os mineiros da Wäls. Por não obedecer critérios que a enquadrem num determinado estilo, seus criadores a consideram uma "invencionice" apelidada de "Imperial Brown Ale". A receita (que inclui cinco tipos de malte alemão que procuram remeter à biscoito tipo "cookie" e lúpulo "polaris" que eleva seu amargor a casa dos 90 IBU) leva ainda favas de baunilha durante a maturação.

Líquido castanho escuro parcamente translúcido. Na taça exibe colarinho bege de baixa formação e retenção.

Ao olfato chama a atenção o forte cheiro de álcool que traz em seu bojo reminiscências de cachaça. Totalmente dominante, acaba ofuscando outras nuances aromáticas como notas de malte tostado, caramelo, rosquinha e baunilha. Uma pena.

Na boca mostra corpo pesado e licoroso de baixíssima carbonatação. Predominantemente adocicado, o sabor traz muito malte tostado, caramelo e suave torrado que junto a baunilha chega a lembrar massa de bomba de chocolate e carolina. Moderado amargor de lúpulo insinua-se ao fundo meio a notas cítricas de 'grapefruit' e casca de laranja. Apesar dos 13 % ABV o álcool é relativamente bem inserido proporcionando confortante aquecimento das mucosas com leve ardência. Intensa percepção de malte recai sobre o final doce, tostado e resinoso de razoável amargor e ligeira adstringência. Traços de lúpulo cítrico e bastante tostado perfazem o retrogosto de média persistência.

Cerveja "gorda" que consegue transmitir a sensação de conter alta carga de insumos, mas que falha em contextualizá-los dentro de um conjunto coeso. Fica a lição de que não basta uma profusão de bons ingredientes e ousadia se não houver harmonia. Ruim ela não é, porém lamento imaginar como poderia ser melhor.

Detalhes

Degustada em
19/Outubro/2014
Envasamento
Volume em ml
375 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.3
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
A Wäls / Way Vanilla Hoppy Cookie é uma cerveja de alta fermentação do estilo Specialty-Beer, que caracteriza cervejas artesanais com algo que a torna especial, como por exemplo, um tempero único. Pode incluir maltes e cereais pouco comuns, blend de cervejas, combinações de estilos, receitas turbinadas, enfim, algo que lhe confira distinção. A coloração é variável, podendo ser clara ou escura, e a formação da espuma poderá ser influenciada pelo adjunto/processo dito especial; o aroma é harmonioso, mas a ideia do estilo é de que sobressaia, de que seja saliente ou ao menos perceptível o que torna a cerveja especial; o sabor via de regra segue o aroma e repete tais percepções, podendo proporcionar um corpo de leve a pesado.

No caso da Wals/Way o que a torna ‘especial’ (para fins de estilo) é o fato de que maturou em tanques por três meses com favas de baunilha Bourbon, estas provenientes da Ilha de Madagascar e consideradas as melhores do mundo. A obra de arte é tida pelos criadores como uma Imperial Brown Ale (acastanhada, creme marfim satisfatório, aroma e sabor com perfil maltoso de maltes escuros com notas de caramelo, nozes, tostado e chocolate, além de se apresentar bastante lupulada e alcoólica). Leva na receita, como dito, 5 tipos de maltes e lúpulo Polaris (Alemanha) que tem alta carga de alpha ácidos.

Fruto de parceira com a paranaense Way a breja foi produzida nas instalações da cervejaria Wals, sediada em Belo Horizonte/MG, e cuja história iniciou-se nos idos de 1999. Sua fonte de inspiração na fabricação das cervejas são as tradicionais escolas cervejeiras belga e theca. Do vasto portfólio já degustei algumas: a trilogia Dubbel, Trippel e Quadruppel, a Saison de Caipira, a 42 Farmhouse (também saison), a venerada Petroleum, a Abroba, a Stadt Jever, a Have a Nice Saison, a Niobium etc.

Lote 01 - validade 01/2017. A garrafa é de 375 ml, cor verde escuro, com rolha (artificial). No gargalo há a tradicional ‘gravata’ contendo o nome da cervejaria. O rótulo se apresenta na cor marfim e traz ao centro, no interior de um círculo em moldura amarela, os dizeres ‘Vanilla Hoppy Cookie’ em letras vermelhas, logo acima do símbolo da cervejaria Wals e imediatamente abaixo do símbolo da cervejaria Way. Consta ainda: ‘Cerveja puro malte, forte, escura, sabor de baunilha’ e a graduação alcoólica (ABV 13%). No contra-rótulo há menção aos ingredientes e que se trata de edição limitada.

Vertida na taça revelou um líquido de coloração castanho escuro (marrom), turbidez mediana, com espuma bege de boas formação, consistência e volume e de manutenção prolongada, tendo formado poucas rendas e mantido um fino tampão de creme sobre o líquido ao longo da degustação. Perlage (bolhas) perceptível.

O aroma desprende bem e se apresenta com perfil eminentemente maltado, sobressaindo notas de torrefação com nuances de chocolate, além de caramelo, biscoito, toffee e baunilha, amadeirado, frutado de ameixas e lúpulos com percepção herbal e de menta. O álcool volatiza bem e se mostra potente.

O líquido se apresenta com uma textura licorosa e perfil maltado, talvez nas redondezas do limiar da tolerância. Foram percebidas notas de malte caramelo, baunilha, toffee e chocolate; também amadeirado, ameixas e no final do gole se percebe, agora sim, a alta carga de lúpulo com perfil herbal e mentolado a equilibrar o conjunto e emparelhando com algum amargor decorrente de maltes torrados. O final é levemente seco e amargo e o retrogosto se descortina agridoce e alcoólico. Este, o álcool de ABV 13% é potente e proporciona aquecimento. O corpo é médio-alto e a carbonatação é média. A palatabilidade (drinkability) é média, decorrente da robustez da obra, mas a breja é deliciosa!

A degustação foi prazerosa! O conjunto é superlativo em adocicado, amargor e álcool, ou seja, bastante complexo, e ainda assim de equilíbrio surpreendente.

Imperdível!

Detalhes

Degustada em
04/Outubro/2014
Envasamento
Volume em ml
375 ml
Onde comprou
Armazém da Serra (Mercado Municipal em Curitiba)
Preço
R$ 20,90
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Ver todas as avaliações de usuários

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se