Cadastre-se

De Dolle Boskeun

Odimi Toge 26 de Novembro de 2016
 
4.5 (1)
450   0   2  
 
Escrever Avaliação
Adicionar a uma lista
De Dolle Boskeun

Informações

Cervejaria
Álcool (%)
10% ABV
Ingredientes
Water, barley malt, hop flowers, yeast, sugar.
Ativa
Sazonal
Temperatura
Copo ideal
Boskeun is the nickname of Jo, one of the two brothers who preferred to brew blond beer at home. It is a special Easter beer, one of the first real Belgian Easter beers. (Slaghmuylder's paasbier being first). It has been brewed with pale malt, Golding hops, cane sugar and refermented in the bottle. It's a seasonal beer, so we suggest not to keep it eternally. The name Boskeun means rabbit of the wood (virgin wood, maybe?) and the label shows it, sampling the last brew.

Avaliações dos usuários

1 avaliações

Avaliação Geral 
 
4.5
Aroma 
 
9/10  (1)
Aparência 
 
4/5  (1)
Sabor 
 
18/20  (1)
Sensação 
 
5/5  (1)
Conjunto 
 
9/10  (1)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
(Atualizado: 26 de Novembro de 2016)
Avaliação Geral 
 
4.5
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
A De Dolle Brouwers ( ou "Cervejeiros Malucos") é uma respeitada cervejaria artesanal localizada no vilarejo de Esen, região de Flanders Ocidental na Bélgica. Apesar de seus atuais proprietários terem iniciado o negócio em 1980, é sabido que o local já funcionava como cervejaria/destilaria desde 1835.

Com a morte do fundador original em 1882, o empreendimento foi vendido para outra família. Esta então permaneceu no comando por três gerações até repassar o prédio para o pessoal da De Dolle.

Sua produção é relativamente pequena, chegando a cerca de 1000 Hectolitros/Ano. Uma vez por semana, a cervejaria abre as portas para a visitação pública, oferecendo as produções da casa em seu "tasting room".

BOSKEUN

Cerveja sazonal feita especialmente para a Páscoa ('PaasBier') - uma 'Belgian Strong Pale Ale' elaborada com malte de cevada, cana de açúcar, lúpulos "Golding" em flor e refermentação na garrafa. Seu nome é uma palavra do dialeto flamengo que significa "coelho selvagem" ou "lebre". A intenção foi fazer referência ao coelho da páscoa, mas também à uma briga ocorrida na época dos antigos donos. Segundo consta, eram dois irmãos, sendo que um deles teria ferido o outro na boca deixando uma marca que lembrava um lábio leporino. O povo, que nunca perdoa, teria passado então a chamá-lo pelo apelido de "leporino" ("Keun"), o que inspirou a De Dolle a adotar o nome.

Líquido turvo, de coloração ocre e presença de partículas. Na taça, tem formação abundante de espuma branca de média retenção.

Aroma rico, com a assinatura típica das leveduras belgas. Notas de frutas cristalizadas como abacaxi e damasco acompanham nuances de compota de morango e uva passa. Excelente!

Ao paladar mostra corpo alto, de elevada carbonatação. Significativa doçura de malte funde-se a intenso sabor frutado engendrando sugestões de damasco seco, abacaxi cristalizado, morango cozido e uvas passas. Álcool brilhantemente inserido. Traços florais pincelam o final esterificado e levemente condimentado. Um agradável rastro de leveduras pontua o retrogosto.

Cerveja maravilhosa - coisa linda de viver! Tendo a oportunidade, não pense duas vezes!

Detalhes

Degustada em
26/Novembro/2016
Envasamento
Volume em ml
330 ml
Onde comprou
Biertempel, Bruxelas - Bélgica
Preço
3,95 Euros
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se