Cadastre-se

Alenda Bier Weizenbock

Mauricio Beltramelli 06 de Fevereiro de 2011
 
3.6 (11)
3432   0   2  
 
Escrever Avaliação
Adicionar a uma lista
Alenda Bier Weizenbock

Informações

Cervejaria
Álcool (%)
7% ABV
Ingredientes
Água, levedura, malte de trigo, malte de cevada e lúpulo.
Ativa
Temperatura
Copo ideal

A cerveja especial Alenda é feita de acordo com a lei de pureza Alemã de 1516, em sua composição são usados produtos de alta qualidade provenientes da Alemanha, Bélgica e República Tcheca. Nossa cerveja é preparada com água especial da Serra Gaúcha seguindo o mesmo método utilizado pelas melhores cervejarias da Bavária, no sul da Alemanha, que é o método de fabricação Hefeweizen onde a fermentação ocorre naturalmente dentro da garrafa. Alenda Bier Weizenbock é uma autêntica cerveja de trigo tipo bock, de espuma densa e duradoura. A presença do malte torrado lhe confere um sabor intenso e um pronunciado aroma frutado. Para aproveitar ao máximo suas qualidades, recomendamos servir a cerveja especial Alenda Weizenbock a uma temperatura entre 7 e 10ºC.

Avaliações dos usuários

11 avaliações

5 estrelas
 
(0)
 
(8)
 
(2)
 
(1)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
3.6
Aroma 
 
7/10  (11)
Aparência 
 
4/5  (11)
Sabor 
 
14/20  (11)
Sensação 
 
4/5  (11)
Conjunto 
 
7/10  (11)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
Ver todas as avaliações Ver as mais úteis
Avaliação Geral 
 
3.8
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
No copo: coloração marrom escuro, turva, com média formação de creme de cor bege e média persistência.
Aroma: banana caramelizada, torrefação, especiarias.
Sabor: acompanha o aroma, com Dulçor moderado e Amargor leve.
Sensação: Carbonatação média e Corpo médio.
Drinkability: média.

Ótima ceva. Bem maltada, e com bom equilíbrio de suas caracteristicas.

Detalhes

Degustada em
15/Setembro/2017
Envasamento
Volume em ml
500 ml
Onde comprou
Regional Cervejas Artesanais (POA)
Preço
R$ 22,00
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 26 de Novembro de 2011)
Avaliação Geral 
 
3.7
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
7/10
A aparência dessa Weizenbock é bastante escura, marrom, acobreada, cor de chocolate mesmo. Possui leve efervescência, com aspecto bem denso e profundo. Com o final da garrafa, veio um fermento que turvou completamente a cerveja, deixando muitas partículas em suspensão. Forma uma camada imensa de creme bege, fofo, disforme e com bolhas grandes, que permanece bastante tempo no copo e traz boa aderência.

O aroma é bem forte e desprende sem dificuldades. Inicialmente, percebe-se muito fenólico de cravo. E há também intensa presença floral de lúpulo. Possui um off-flavor de sabão bem intenso, mas que dissipa após um tempo. Sensações periféricas de malte, como tostado, café, chocolate, toffee, são sutis e acabam encobertas pelas demais sensações, mas podem ser percebidas à medida que a cerveja vai esquentando. Traz também um pouco de sensação de doce de banana. Apresenta forte álcool volatilizado.

Paladar bastante intenso, predominando as sensações tostadas, além de frutas escuras e secas e um vinoso/alcóolico bastante forte, como no aroma. Cerveja com notas bem nítidas de café/chocolate, ameixas/passas, com forte picância alcóolica e um amargor residual bastante saboroso, principalmente no denso final do gole. Retrogosto seco, quente/picante, prolongado, com leve adstringência e notas de frutado seco e tostado, defumação, madeira e café. Cerveja de corpo médio, sedoso e macio. Possui carbonatação mediana e precisa para o estilo, com crocância adequada. Apesar do teor alcóolico, traz um álcool que parece mais forte e, portanto, destoa em certos momentos. A drinkability é mediana, pois é uma cerveja potente demais, que chega a ser um pouquinho enjoativa.

Essa foi a terceira Alenda que degustei, terminando no estilo mais potente da cervejaria. Surpreendeu pela potência. Achei ela desequilibrada em determinados momentos, mas extremamente marcante em termos de retrogosto e sensações tostadas. Traz álcool muito forte e não muito bem encaixado no conjunto. Mas no geral, agradou. É uma Weizenbock de muito respeito. Recomendo sim, sem pudores.

Detalhes

Degustada em
20/Novembro/2011
Envasamento
Volume em ml
600 ml
Onde comprou
Produtor
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
3.8
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
COR: chocolate escuro, turva.
ESPUMA: bege claro, média formação, baixa sustentação, mantém película final.
AROMA: chocolate, frutas escuras, especiarias, vinho tinto, fermento, frutas vermelhas, álcool leve, bananada, lúpulo herbal, tostado, malte.
SABOR: frutas vermelhas e escuras, bolo de frutas, álcool, bananada, vinho tinto, chocolate, leve tostado, caramelo, malte, fermento, carbonatação média-baixa, corpo médio-alto, doce médio-alto, amargor alto. Fim doce e frutado.

Partindo do princípio que o estilo Weizenbock é um dos meus preferidos, era com alta expectativa que provava essa caseira. De pronto, só me recordava de apenas uma vez ter provado outra caseira também desse estilo num curso de cerveja artesanal, que o professor tinha levado para bebermos. A Alenda, da mesma forma que em sua Weizen, não faz feio, ao contrário, criou uma excelente opção do estilo para fazer frente as já difundidas do gênero. O líquido fez um balé dentro do copo, nadando por todas as bordas até o fundo tornando sua coloração amarronzada como chocolate escuro, cacau. Sua espuma peca ao não formar-se esplendorosamente, mas assenta bem ao topo por um breve momento, finalizando em apenas uma fina película. Seu cheiro tinha uma carga inicial de leve chocolate e frutas escuras, seguido de notas de especiarias, em especial o cravo da índia, um leve vinoso, para vir mais potencializados o fermento, álcool presente, uma enxurrada de banana (banana passa e bananada). Um agradável aroma de frutas vermelhas também estava lá, sem ser muito perceptível descobrir em específico quais. A carga maltada potencializada pelo torrado e o lúpulo herbal, picante, eram harmoniosamente casados. O sabor pode ser descrito como um mix de salada de frutas mais doces caseiros: figo, ameixa, cereja, morango, passas, banana, banana caramelada, bolo de frutas, banana passa, bananada, chocolate, caramelo; mas encontrar tudo isso não a tornou agressivamente doce, enjoativa. Seu teor alcoólico é bem sentido, trazendo um pouco de licorosidade, o lúpulo herbal trouxe frescor e picância, o amargor é alto, mas não de todo agressivo. Ela termina esplendorosamente num final doce e frutado que perdura na boca. Imediatamente tornei-me fã, provando que independente de ser caseira isso que é cerveja de verdade!

Detalhes

Degustada em
04/Novembro/2011
Envasamento
Volume em ml
600 ml
Onde comprou
Empório Gourmet
Preço
11,70
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
3.8
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
7/10
No copo verteu um líquido marrom turvo com um creme de boa formação e persistência.
No olfato, trouxe notas frutadas, condimentadas e torradas.
No paladar, apresentou sabores de melado, café, frutas escuras, banana, cravo.
Possui, ainda, toques terrosos e picantes.
Ela é adocicada, levemente ácida e mais amarga no fim.
O retrogosto é seco, picante, alcoólico e amargo.
É encorpada e sua carbonatação média.
O álcool se mostrou presente, mas não mascarou os aromas e sabores agradáveis apresentados.
Enfim, boa cerveja. Um excelente exemplar do estilo. Vale a degustação!

Detalhes

Degustada em
29/Outubro/2011
Envasamento
Volume em ml
600 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Coloração marrom de alta turbidez. Alta formação de creme bege claro de alta persistência e bem denso. Aliás, o creme dessa Weizenbock é um show à parte. No aroma, percebe-se um frutado bem ativo que enfatiza notas de banana, cravo, caramelo e ao fundo, uma leve presença alcoólica. Aroma bem condimentado e bem agradável. O paladar reforça o frutado demonstrado no aroma e o forte condimentado. O retrogosto traz um leve amargor e ainda uma perceptível ação alcoólica. O que é esperado para o estilo. Cerveja muito balanceada, encorpada e com personalidade. Recomendo! Principalmente nesses dias de inverno.

Detalhes

Degustada em
02/Julho/2011
Envasamento
Volume em ml
600 ml
Onde comprou
Cervejoteca
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Ver todas as avaliações de usuários

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se