Cadastre-se

Mani-oca

Odimi Toge 16 de Junho de 2016
 
2.1 (2)
3085   0   4  
 
Escrever Avaliação
Adicionar a uma lista
Mani-oca

Informações

Cervejaria
Álcool (%)
4.6% ABV
Ingredientes
Água, malte de cevada, amido de mandioca, lúpulos e levedura. CONTÉM GLÚTEN.
Ativa
Temperatura
A Morena Bier Mani-oca (mandioca em guarany) é uma cerveja que tem um buquê discreto, refrescante e com equilíbrio entre o sabor do malte e o leve amargor do lúpulo. A cor varia do amarelo palha ao dourado. Leva como adjunto o amido de mandioca produzido em fecularias do Sul do Estado de Mato Grosso do Sul. É considerada a Primeira cerveja de mandioca do Mato Grosso do Sul. Harmoniza com carnes assadas, churrasco, peixes e petiscos.

Avaliações dos usuários

2 avaliações

Avaliação Geral 
 
2.1
Aroma 
 
4/10  (2)
Aparência 
 
3/5  (2)
Sabor 
 
8/20  (2)
Sensação 
 
2/5  (2)
Conjunto 
 
4/10  (2)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
Avaliação Geral 
 
2.6
Aroma 
 
4/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
10/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
5/10
Cerveja de coloração amarelo clara, líquido semi turvo e espuma cremosa branca, leve formação.
Aroma de cereais, floral e lúpulo.
Sabor segue o aroma, cerais na essência, mas a mandioca não é tão perceptível!
Boa experiência, mas cerveja sem algo a mais!

Detalhes

Degustada em
06/Janeiro/2018
Envasamento
Volume em ml
600 ml
Onde comprou
Presente
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 17 de Junho de 2016)
Avaliação Geral 
 
1.5
Aroma 
 
4/10
Aparência 
 
1/5
Sabor 
 
6/20
Sensação 
 
1/5
Conjunto 
 
3/10
Cervejaria "Morena Bier" inaugurada em 2013 na capital do Mato Grosso do Sul, Campo Grande. Seus sócios, oriundos de Santa Catarina, começaram a planejá-la em 2009.

MANI-OCA

'Premium American Lager' não filtrada com adição de amido de mandioca.

PS: o rótulo diz se tratar de uma "pilsen puro malte" com mandioca. Oras, se tem mandioca não é puro malte!

Líquido cor de mel, enevoado, sem formação de colarinho.

Aroma discreto de malte e lúpulo com notas de cereais, leve floral e algum 'DMS' lembrando couve-flor cozida.

O paladar revela uma cerveja de corpo baixo-médio praticamente sem gás. A ausência de carbonatação facilita a percepção do malte via nuances de cereais, ligeiro dulçor e 'DMS'. Certo azedume sublinha o final meio terroso, de amargor nulo.

Tentativa malsucedida de emular a famosa "Colorado Cauim", de Ribeirão Preto (SP). Passou muuuuito longe!

Validade: 24/02/2017

Detalhes

Degustada em
16/Junho/2016
Envasamento
Volume em ml
600 ml
Onde comprou
presente
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se