Cadastre-se

Stone Double Bastard Ale

Mauricio Beltramelli 13 de Dezembro de 2011
 
4.1 (7)
2362   0   1  
 
Escrever Avaliação
Adicionar a uma lista
Stone Double Bastard Ale

Informações

Álcool (%)
10.5% ABV
Ativa
Temperatura
Copo ideal

This is one lacerative muther of an ale. It is unequivocally certain that your feeble palate is grossly inadequate and thus undeserving of this liquid glory...and those around you would have little desire to listen to your resultant whimpering. Instead, you slackjawed gaping gobemouche, slink away to that pedestrian product that lures agog the great unwashed with the shiny happy imagery of its silly broadcast propaganda. You know, the one that offers no challenge, yet works very, very hard to imbue the foolhardy with the absurd notion that they are exercising ‘independent’ thought, or attempts to convey the perception it is in some way ‘authentic’ or ‘original.’ It’s that one that makes you feel safe and delectates you into basking in the warm, fuzzy, and befuddled glow of your own nescience. Why so many allow themselves to be led by the nose lacks plausible explanation. Perhaps you have been so lulled by the siren song of ignorance that you don’t even notice your white-knuckle grip on it. You feel bold and unique, but alas are nothing but sheep, willingly being herded to and fro. If you think you are being piqued in this text, it is nothing when compared to the insults we are all asked to swallow streaming forth from our televisions and computers. Truth be told, you are being coddled into believing you are special or unique by ethically challenged “pay no attention to the man behind the curtain” marketers who layer (upon layer) imagined attributes specifically engineered to lead you by the nose. Should you decide to abdicate your ability to make decisions for yourself, then you are perhaps deserving of the pabulum they serve. Double Bastard Ale calls out the garrulous caitiffs who perpetrate the aforementioned atrocities and demands retribution for their outrageously conniving, intentionally misleading, blatantly masturbatory and fallacious ad campaigns. We demand the unmitigated, transparent truth. We demand forthright honesty. We want justice! Call ‘em out and line ‘em up against the wall... NOW.

Avaliações dos usuários

7 avaliações

5 estrelas
 
(0)
 
(7)
3 estrelas
 
(0)
2 estrelas
 
(0)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
8/10  (7)
Aparência 
 
4/5  (7)
Sabor 
 
16/20  (7)
Sensação 
 
4/5  (7)
Conjunto 
 
8/10  (7)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
Ver todas as avaliações Ver as mais úteis
Avaliação Geral 
 
3.9
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Tomada um pouco mais para o final do dia no Mondial de la Bière, de forma que a degustação não foi tão precisa quanto a breja merecia. De todo modo, é uma Imperial IPA de evidente destaque.

Detalhes

Envasamento
Volume em ml
650 ml
Onde comprou
Mondial de la Bière 2014
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Cor marrom alaranjada com uma espuma densa de cor bege de boa duração e deixando traços.
Aroma cheio de frutas silvestres, ameixa, maltes tostados, fumaça e levedura Americana.
Sabor com notas defumadas, maltes tostados e algo de torrado, caramelos, leve café, frutas secas e escuras, lúpulos terrosos, madeira, um pinho amordaçado, rum, xarope de maple, resina e levedura americana. Retrogosto seco com um amargor longo.
Corpo intenso com carbonatação apropriada. Álcool de 11,2% abv tem um efeito apenas saborizante.
Pareceu-me como uma mistura de Scotch Ale e uma Barley Wine. Muito complexa e lupulada. Ótima cerveja, embora eu prefira a sua versão padrão. Se bem que o nome é similar, viraram duas cervejas diferentes.
Ap.4 Ar.4,25 Sab.4,25 Sens.4,25 Cj.4,25

Detalhes

Degustada em
30/Outubro/2014
Envasamento
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.2
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Degustada a versão 2011 a 10,5 graus de temperatura.
Essa Strong Ale americana é uma das melhores Stones que já degustei.
Sua coloração é avermelhada turva e seu creme tem média formação e persistência.
No aroma e sabor malte caramelo intenso, toffee, frutas negras e álcool suave.
O dulçor domina e o amargor suave aparece mais no final. Encorpada com
carbonatação média e textura quente. Mais uma americana que alia equilíbrio
e intensidade com maestria. Ótimo conjunto, altamente recomendada!

Destaque: Degustada na ilustre presença do confrade Sangion.

Detalhes

Degustada em
22/Novembro/2011
Envasamento
Volume em ml
650 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
17/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Cor ambar avermelhada intensa com espuma de longa duração. Logo no aroma da pra ver a alta concentração de açúcar já indicando a intensidade da breja e também o corpo mais grosso.

Lupulo é bem intenso, pricipalmente no aroma com notas cítricas, pinho e resina. já no sabor acaba ficando menos evidente por conta da intensidade do malte - com notas caramelo, levemente tostado.

O ácool mostra intensidade e colabora com o corpo denso e licoroso.
Bela cerveja, intensa em todos os sentidos.

Detalhes

Degustada em
01/Junho/2011
Envasamento
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.0
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Se tem uma cervejaria americana que sempre me chamou atenção, é a Stone. A cervejaria Californiana é uma das que mais cresceu nos Estados Unidos nos últimos anos e me cativa não somente pelo mascote e pelo apelo comercial provocativo agora, mas sim pelas belíssimas criações. A stone não me decepcionou em nenhum de seus rótulos, e é claro que a Double Bastard também não o faria. Trata-se de uma American Strong Ale, irmã mais velha do que provavelmente é a cerveja mais conhecida da Stone: a Arrogant Bastard.
Apresentou coloração âmbar, com translucidez mediana. Seu creme, de coloração bege, não se formou em grande volume e muito menos durou por muito tempo, o que é completamente justificável pelo teor alcoólico alto.
Lúpulo, muito lúpulo. Os aromas trazem os lúpulos americanos em destaque, o o perfil mais cítrico, lembrando grapefruit, frutas vermelhas e até algo de resina. Os maltes fazem uma boa base, lembrando mel, caramelo e avelã. Ao fundo um pinicada de leve do álcool e de noz-moscada.
Este caramelado dos maltes prepara a boca, para o amargor violento que vem na sequência. Amargor que chega até lembrar algo um pouco medicinal. Os lúpulos ainda trazem um pouco de cítrico ao paladar. O álcool, como já esperado, é violento, mas não chega a desequilibrar de fato. Tem um corpo denso e licoroso, com carbonatação baixa.
Quando a Stone anuncia no contra-rótulo que você não é digno de beber tal cerveja, ou que não é macho o suficiente, não está de brincadeira. A cerveja é realmente uma porrada, para poucos. Já pra quem curte toda essa potência americana, é um deleite.

Detalhes

Degustada em
09/Fevereiro/2012
Envasamento
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Ver todas as avaliações de usuários

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se