Cadastre-se

Gouden Carolus Cuvée van de Keizer Blauw

Hot
Daniel Calicchio 07 de Setembro de 2008
 
4.4 (80)
27716   0   10  

Avaliações dos usuários

37 avaliações com 5 estrelas

80 avaliações

 
(37)
 
(43)
3 estrelas
 
(0)
2 estrelas
 
(0)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
4.4
Aroma 
 
9/10  (80)
Aparência 
 
4/5  (80)
Sabor 
 
18/20  (80)
Sensação 
 
5/5  (80)
Conjunto 
 
9/10  (80)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
De volta ao item
37 resultados - mostrando 16 - 20
1 2 3 4 5 6 7 8
Ordenar
(Atualizado: 03 de Setembro de 2013)
Avaliação Geral 
 
5.0
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
20/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
10/10
VERSÃO 2010
Escura, turva, lembrando marrom glacê. Creme consistente mas pouco persistente.
No aroma, notas marcantes de uva (vinho) e uma leve acidez.
No sabor, uva passa, ameixa, café e chocolate com um final levemente seco.
Média/alta carbonatação com presença do "belgian lace", marcando todo o copo. O álcool, apesar de altíssimo (11%), é muito bem inserido e quase imperceptível.
Ao final do copo, já vazio, cheiro de calda de açucar.
Excelente. Imperdível.
PERFEITA!!!

Detalhes

Degustada em
01/Janeiro/2012
Envasamento
Volume em ml
750 ml
Onde comprou
Artesanato da Cerveja
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.7
Aroma 
 
10/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
19/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
10/10
Cuvée Van de Keizer Blauw, safra 2000. 11 anos de guarda! Ficou até mais tempo do que o sugerido pela própria cervejaria.

A aparência dela é muito bela e icônica, com uma coloração escura, avermelhada, entre mogno e acobreada. Não é tão opaca e possui uma exagerada quantidade de sedimentos em suspensão (na taça final da garrafa, restou realmente uma quantidade absurda de grânulos/fermento). Evidenciou pouquíssima efervescência. Praticamente não formou espuma ou creme. Deixou, no máximo, uma fina película cremosa sobre o líquido. Não deixa lacing nas laterais.

O aroma é intenso, bastante frutado e torrado, com uma complexidade cavalar. Desprende facilmente um sem-número de saborosas notas: torrefação, amadeirado, toffee/caramelo, castanhas, café/chocolate, baunílha, vinho do Porto, frutas secas e escuras, como passas e ameixas, frutas vermelhas, como cerejas, framboesas e cranberries. Tantas sensações frutadas evidenciam bem a presença de tradicional fermento belga. Há também uma quentura e um condimentado, com sensações de açúcar-mascavo, pimenta e canela. Volatiza bem o álcool, o que ajuda a conferir o caráter vinoso e licoroso do buquê. Excelente! Um dos melhores que já senti.

Paladar muito adocicado, mais do que as safras mais recentes, evidenciando as notas de frutas, chocolate e baunílha. Sensação bastante trufada, condimentada e picante de álcool. Retrogosto persistente, ligeiramente seco, quente e adocicado, remetendo aos frutados secos e escuros e a torrefação. Possui uma adstringência um pouco destoante. Ela é muito encorpada, sendo o gole denso e licoroso. Por ser uma safra tão antiga, praticamente não possui mais carbonatação e a crocância é mínima. Potente em álcool, mas este é extremamente bem inserido. Ótima drinkability, mas limitada pelo teor alcoólico e pelo caráter carregado em notas doces e intensas, o que pode ser enjoativo para algumas pessoas. Certamente esse é um rótulo para dividir e harmonizar.

É impressionante como essa Cuvée Van de Keizer consegue ser licorosa e nem por isso o álcool se torna enjoativo e encobre as demais sensações. Aliás, complexidade é a palavra-chave desse rótulo. Esperava que após tanto tempo de guarda, o rótulo fosse mostrar alguns defeitos. Mas achei apenas que o retrogosto dessa safra deixou um pouco a desejar. No entanto, achei a intensidade das notas mais interessante do que em safras mais recentes. No geral, é uma cerveja clássica, top de linha, que mostrou uma notável evolução após guarda. Desnecessário dizer que recomendo fortemente! Estupenda!!!

Detalhes

Degustada em
01/Outubro/2011
Envasamento
Volume em ml
750 ml
Onde comprou
EAP
Preço
R$100
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 1 0
Avaliação Geral 
 
4.5
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
Sensacional,esta se situa entre as minhas preferidas.Alem de uma bela aaprencia marron escura com espuma bege bem formada e um aroma frutado com notas de madeira que se repetem no seu sabor.Apesar de poderosa,não se sobressai o alcool.Uma TOP.

Detalhes

Envasamento
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.6
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
Mais uma excelente cerveja da Het Anker, para mim a melhor das Carolus.
A garrafa é show e o fato de ser uma cerveja produzida apenas uma vez ao ano aumentam ainda mais a exclusividade e a expectativa.
No copo formou pouca espuma com uma cor que lembra cha mate, um pouco mais escura.
O aroma é maravilhoso, com uma forte presenç de frutas escuras, ameixa, toffe, caramelo,adocicada e levemente a presença do alcool.
O sabor é extremamente equilibrado, iniciando de maneira adocicada, um aspecto levemente amadeirado na boca, novamente as frutas escuras dao o tom junto ao toffe e caramelo.
O equilibrio dela é exemplar, o alcool esta muito bem inserido e confere bastante corpo sem enjoar, o lupulo arredonda todo o adocicado e aperfeiçoa o conjunto.
Excelente cerveja!!!

Detalhes

Degustada em
27/Agosto/2011
Envasamento
Volume em ml
750 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 1 0
(Atualizado: 05 de Agosto de 2011)
Avaliação Geral 
 
4.6
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
19/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
9/10
Safra 2010, nem tao envelhecida, porém já fantástica.
Aroma imperdível ao estampar da rolha - frutado, amadeirado e sensivelmente alcoólico.
Coloração escura, de creme que peca na persistência, mas que proporciona uma cerveja densa, aveludada e de carbonatação perfeitamente equilibrada.
Sabor espetacular, adverbialmente complexo - frutas vermelhas (cereja ou framboesa?) e vinho do porto são o que sobressaem; há, ainda, chocolate e caramelo à revelia (e o álcool? não o diagnostiquei).
Quase que perfeita. Senti a falta de um leve amargor para equilibrar. Mas, mesmo assim,as palmas são constantes. Insere-se em meu "top five". E, pelo que parece, persistirá por longo tempo.

Detalhes

Degustada em
05/Agosto/2011
Envasamento
Volume em ml
750 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
37 resultados - mostrando 16 - 20
1 2 3 4 5 6 7 8

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se