Cadastre-se

Bodebrown Wee Heavy Wood Aged Amburana

Alexandre LC 03 de Novembro de 2014
 
4.2 (11)
3040   0   4  
 
Escrever Avaliação
Adicionar a uma lista
Bodebrown Wee Heavy Wood Aged Amburana

Informações

Álcool (%)
8% ABV
Ativa
Temperatura
Copo ideal
Para arrebentar com tudo nos 5 anos de Bodebrown a gente deixou a primeira Scotch Ale do Brasil ainda melhor. Ainda mais brasileira.

Eleita em 2011 e 2012 a “Melhor Scotch Ale do Mundo” no Mondial de La Bierre, a Wee Heavy vai comemorar seu aniversário em uma edição comemorativa Wood Aged Series, envelhecida em barris de Amburana provenientes da Weber Haus – uma das mais prestigiadas cachaçaria do Brasil. A Wee Heavy Wood Aged reforça sua origem brasileira e apresenta um sabor que você precisa provar. Coisa fina.

“Unimos a alma de uma cerveja tradicional da Escócia, com malte daquele país do tipo Peat, ao envelhecimento em madeira brasileira, utilizando uma dorna (espécie de barrica com capacidade para 750 litros) de cachaça”, explica nosso mestre Samuel Cavalcanti;

A Wee Heavy leva sete maltes em sua produção, com destaque ao peat-smoked, estilo trufado de malte. Ela ganha também uma levedura tradicional da Escócia, produzida na Califórnia. A cerveja de coloração rubi e fermentação lenta apresenta notas de cereja, frutas vermelhas, especiarias, tâmaras, ameixas e uvas passas. A levedura escocesa combinada com o aroma particular da madeira Amburana, utilizada anteriormente pela cachaça Weber Haus, cria um sabor único.

“Esta produção envelhecida renova a experiência sensorial da cerveja com uma viagem por sabores dos dois países”, resume nosso mestre Samuel Cavalcanti.

Fotos

Avaliações dos usuários

11 avaliações

 
(3)
 
(7)
 
(1)
2 estrelas
 
(0)
1 estrela
 
(0)
Avaliação Geral 
 
4.2
Aroma 
 
9/10  (11)
Aparência 
 
4/5  (11)
Sabor 
 
17/20  (11)
Sensação 
 
4/5  (11)
Conjunto 
 
8/10  (11)
Para escrever uma avaliação por favor registre-se ou .
Ver todas as avaliações Ver as mais úteis
Avaliação Geral 
 
4.9
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
5/5
Sabor 
 
20/20
Sensação 
 
5/5
Conjunto 
 
10/10
Cerveja espetacular.
Belíssima aparência, forma uma espuma entre pequena e média, cremosa, boa quantidade de bolhas, bege e um pouco duradoura, deixa uma boa renda no copo e lágrimas de álcool moderadas ao girar o copo. Nublada e um pouco borbulhante. Coloração marrom.
Aroma delicioso, rico e complexo, malte intenso, ares de caramelo, um tanto tostado, toffee, leve defumado, cacau e traços de nozes. Lúpulo leve, leve ervas e resina. Álcool entre leve e médio. Ainda notas moderadas de madeira, leve canela, licor, baunilha, uva passa, traços de cachaça e vinho do porto.
Sabor espetacular, rico e complexo, longa duração, doçura entre leve e moderada, amargor entre leve e moderado, leve álcool, reflete e aprofunda as belas notas maltadas, alcoólicas e de madeira do aroma em perfeita harmonia.
Corpo intenso, textura oleosa, carbonatação média, final duradouro, meio amargo e levemente picante.

Destaque para a bela harmonia e complexidade de sabores e aromas, com perfeição no sabor e na sensação na boca. Garrafa nº 1953.
Cheers!

Detalhes

Envasamento
Volume em ml
300 ml
Onde comprou
Cervejaria Bodebrown
Preço
R$ 26,90
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
3.6
Aroma 
 
8/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
15/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
6/10
Bem frutas cristalizadas, nozes, amêndoas, madeira, álcool não aparece, toffe, bem caramelada, seca e bem doce. Esse forte doce não agradou.

Detalhes

Degustada em
03/Setembro/2016
Envasamento
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 17 de Julho de 2016)
Avaliação Geral 
 
4.1
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
4/5
Sabor 
 
16/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
8/10
Consolidada como um dos mais aclamados nomes da atual cena artesanal nacional cervejeira, a "Cervejaria Escola Bodebrown" surgiu em 2009 na capital do Paraná, Curitiba. Fruto dos esforços da paranaense Andrea Cordeiro Pinto e do pernambucano Samuel Crhistophe Cavalcanti Cabral, a cempresa tem como símbolo o bode - animal que tradicionalmente habita o sertão nordestino.

Sucesso de críticas tanto por parte de amadores quanto de especialistas, o reconhecimento por sua qualidade e ousadia é unânime. Tal reconhecimento tem inclusive vindo em forma de prêmios conquistados em concursos nacionais e estrangeiros.

Sempre ativa, a empresa não só fabrica, mas também ministra cursos sobre produção cervejeira, harmonização, 'homebrewing', além de comandar eventos culturais/gastronômicos como o "Beer Ranch" e "Beer Train".

WOOD AGED SERIES

Surgida em 2014, a linha propõe envelhecer rótulos já comercializados pela casa em barris de madeira que foram utilizados anteriormente na produção de bebidas como destilados e vinhos. As tiragens são sempre limitadas e costumam se esgotar em pouco tempo.

WEE HEAVY WOOD AGED AMBURANA

Segundo rótulo da linha "Wood Aged", trata-se de uma versão especial da "Wee Heavy" envelhecida por seis meses em dornas de amburana previamente utilizadas pela cachaçaria gaúcha "Weber Haus". No total, foram disponibilizadas para a venda cerca de três mil garrafas - todas numeradas. A cervejaria recomenda que se guarde ao menos duas unidades de cada sob a temperatura de 12 graus Celsius para que se confira sua evolução daqui cinco e depois dez anos.

*Unidade número 0248 de 400 com um ano e meio de guarda.
**Degustada em temperatura ambiente - 10ºC.

Líquido marrom escuro, permitindo alguma passagem de luz. Vertido na taça, forma três dedos de colarinho bege de longa permanência.

Aroma complexo, disposto em camadas de malte, madeira, especiarias, além de leve frutado. Notas de melaço, caramelo, cachaça, baunilha e canela projetam-se com nitidez. Pitadas de bananada, doce de maçã e turfa complementam em segundo plano. Espetáculo!

De corpo alto e carbonatação amena, tem sabor estruturado na doçura do malte, que se desdobra em nuances de toffee e melaço com leve turfado. Reminiscências de banana assada, coco queimado, canela, cachaça e baunilha seguem adjacentes. Álcool bem inserido. Um amargor suave contrapõe o final longo, doce e licoroso. Ecos de turfa, cachaça e madeira alcançam o retrogosto. Drinkability reduzida.

O resultado é uma cerveja pra lá de interessante, mas que rapidamente se torna enjoativa. Deve acompanhar muito bem sobremesas como tiramisù ou manjar de coco com calda de ameixa.

Detalhes

Degustada em
17/Julho/2016
Envasamento
Volume em ml
300 ml
Onde comprou
SIte oficial Bodebrown
Preço
R$ 110,00 Kit garrafa + copo + frete
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
(Atualizado: 26 de Junho de 2016)
Avaliação Geral 
 
3.2
Aroma 
 
7/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
13/20
Sensação 
 
3/5
Conjunto 
 
6/10
O aroma de amburana domina. Quando tomei ela, me lembrei mais da Way Amburana do que da própria Wee Heavy. Muito boa, mas curti mais a versão original da mesma cervejaria.

Detalhes

Envasamento
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Avaliação Geral 
 
4.3
Aroma 
 
9/10
Aparência 
 
3/5
Sabor 
 
18/20
Sensação 
 
4/5
Conjunto 
 
9/10
Temperatura de degustação: Dez graus Celsius.
Cor: Amarronzada opaca.
Creme: Média formação de creme bege, que mantém uma fina camada persistente.
Aroma: Complexo, maltado, caramelo, madeira, cachaça, defumação.
Sabor: Predominantemente maltado, acompanhando o aroma, com notas amadeiradas e de cachaça muito bem integradas tanto no aroma quanto no paladar. O final apresenta um fantástico sabor de doce de coco, intenso e persistente, de baixo amargor e levemente seco. O álcool apresenta-se muito bem inserido. O corpo é licoroso, médio-alto, e a drinkability é muito boa para o tipo de cerveja apresentada. Excelente!!

Detalhes

Envasamento
Volume em ml
300 ml
Denunciar esta avaliação Comentários (0) | Considera esta avaliação útil? 0 0
Ver todas as avaliações de usuários

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: [email protected]

Cadastre-se