Blog do BREJAS

South Beer Cup 2014: A “Libertadores da América” da cerveja

Comentários
628 visitas

southbeercup

Passada a grande festa que foi o II Concurso Brasileiro de Cervejas — por assim dizer, o “Brasileirão” do nobre líquido –, chega a vez da South Beer Cup 2014, que vai escolher as melhores cervejas da América do Sul.

Em sua quarta edição, alternando entre o Brasil e a Argentina, o concurso deste ano será realizado em Belo Horizonte (MG) entre os dias 21 e 24 de maio. A organização da edição brasileira está a cargo da ACervA Mineira, entidade representativa dos cervejeiros caseiros do Estado a qual, embora não possa participar com suas cervejas caseiras, é notória por sempre apoiar o movimento cervejeiro artesanal. O evento acontece em conjunto com a VIII BrasilBier. Podem concorrer todas as cervejas sul-americanas produzidas profissionalmente — as brasileiras devem ter registro no MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento).

Todo o processo de inscrição dos rótulos deve ser feito on-line pelo site da ACervA Mineira, o qual também abastece os concorrentes de todas as informações técnicas e práticas da competição, como o regulamento oficial e o Guia de Estilos da Brewers Association (BA), que servirá de referência para as avaliações dos julgadores. Estão sendo esperadas na capital mineira diversas personalidades do meio cervejeiro nacional e internacional. Do lado de lá, entre outros, virão os cervejeiros Pete Slosberg (Pete´s Brewing Company – EUA), Fal Allen (Anderson Valley – EUA), Thomas Thyrrel (VLB Berlim – Alemanha), além dos cervejeiros caseiros americanos Dan Teff e Sean Paxton.

Principais prazos para os cervejeiros

Para os cervejeiros de toda a América que querem levar as medalhas da chamada “Copa Libertadores da América da Cerveja”, liguem-se nas principais datas da South Beer Cup 2014:

- 17/02/2013 a 30/04/2014 – Prazo para as inscrições e para o envio das cervejas.
- 30/04/2014 – Todas as cervejas (exceto brasileiras) devem ser recebidas em Buenos Aires – Argentina.
- 30/04/2014 – Todas as cervejas (exceto internacionais) devem ser recebidas em Belo Horizonte, Brasil.
- 21-22/05/2014 – Julgamento das cervejas em Belo Horizonte, Brasil.
- 22-25/05/2014 – Seminários, Eventos nas cervejarias mineiras e a Feira Brasil Bier na Expominas – Belo Horizonte.
- 24/05/2014 – Anúncio dos vencedores da South Beer Cup 2014 na Cerimônia de Premiação, na Expominas, em Belo Horizonte.

Para maiores informações, acesse o site oficial da ACervA Mineira.

Pão e Cerveja: Programa 252 – BeerTrain em Campinas (SP)

Comentários
80 visitas
CLIQUE AQUI PARA OUVIR

CLIQUE AQUI PARA OUVIR

Quem conversa com a jornalista Fabiana Arreguy no programa de hoje é o jornalista Manuel Alves Filho, o Chef Mané. Ele fala sobre o BeerTrain, evento que já acontecia em Curitiba (PR) e agora chega a Campinas (SP).

Os Torcedores de Rótulos artesanais

Há mais de 6 anos, criei o termo Torcedor de Rótulo pra designar aquele “brahmeiro”, “skolzeiro” ou outro “eiro” da vida, o qual defende a marca de cerveja de sua preferência sobre todas as demais. Ultimamente, porém, o fenômeno vem se reproduzindo com os amantes das cervejas artesanais. Você é um Torcedor de Rótulo? Ouça o programa e descubra.

A coluna Pão & Cerveja vai ao ar todas as sextas-feiras às 11:45 da manhã pela rádio CBN de Belo Horizonte (106,1 FM). Ouça ao vivo o programa ou curta os programas anteriores gravados e disponibilizados aqui no blog pelo BREJAS.

Imposto sobre cerveja pode subir para evitar apagão

Comentários
444 visitas

Impostometro

BRASÍLIA – O secretário-adjunto da Receita Federal, Luiz Fernando Teixeira Nunes, disse que o Fisco concluiu os estudos sobre os cenários econômicos e medidas que podem ser implementadas para elevar a arrecadação este ano e compensar o aporte adicional de R$ 4 bilhões que o Tesouro fará ao setor elétrico, anunciado no último dia 13. As análises preveem elevação de impostos de setores como cosméticos e bebidas frias (refrigerantes, cervejas, isotônicos, energéticos e água).

O socorro total anunciado no último dia 13 foi de R$ 12 bilhões. Desses, R$ 8 bilhões dizem respeito a financiamentos que poderão ser contratados no mercado pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), para que as distribuidoras possam pagar as geradoras. A proposta orçamentária fechada em agosto do ano passado destinava um aporte do Tesouro de R$ 9 bilhões na Conta de Desenvolvimento Energético (CDE). Com a promessa de um adicional de R$ 4 bilhões, o valor chega a R$ 13 bilhões. Mas o mercado estima que esse montante pode chegar a R$ 18 bilhões no fechamento do ano.

Ao anunciar o novo socorro ao setor elétrico, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, informou que o custo adicional será compensado pelo aumento de tributos e também com a reabertura de programas de parcelamentos de dívidas tributárias, como o Refis da Crise.

— Dentro das demandas colocadas, apresentamos alguns cenários, construímos alguns cálculos, algumas medidas que estão em via de implementação. Enquanto as medidas não forem implementadas, não temos como afirmar que tributos (vão subir) e em que momento isso vai acontecer — disse o secretário nesta teça-feira, acrescentando:

— São setores que vocês já conhecem, cosméticos, bebidas frias.

Ele ressaltou que, agora, a decisão cabe ao Ministério da Fazenda e à Casa Civil.

— Os estudos foram feitos e a construção de cenários foi realizada — ressaltou.

O governo enfrenta um cenário difícil este ano para o cumprimento das metas fiscais. Com o corte de R$ 44 bilhões no Orçamento anunciado no mês passado, o governo federal fixou em 1,9% do Produto Interno Bruto (PIB), ou R$ 99 bilhões, a meta de superávit primário do setor público consolidado – que inclui governos central, estaduais, municipais e empresas estatais. O objetivo dessa economia é pagar juros da dívida pública e permitir a redução da dívida líquida do país em proporção ao PIB.

Conforme o GLOBO mostrou no domingo, no entanto, a avaliação de técnicos em Orçamento é de que, sem novas receitas extraordinárias, o governo alcançará uma meta próxima a 1,5% do PIB no fechamento do ano. Uma das preocupações é com o setor elétrico.

Fonte: O Globo

Pesquisa avalia Festival Brasileiro da Cerveja 2014

Comentários
476 visitas
Raio X da pesquisa: Médias por item de satisfação analisado em comparação com a média geral (das notas mais baixas até as mais altas - de 0 a 7).

Raio X da pesquisa: Médias por item de satisfação analisado em comparação com a média geral (das notas mais baixas até as mais altas – de 0 a 7).

Informações ajudarão a trazer melhorias para a próxima edição

BLUMENAU (SC) – Durante os quatro dias do Festival Brasileiro da Cerveja (12 a 15/3), uma pesquisa foi aplicada nos setores 1 e 2 do Parque Vila Germânica com o objetivo de identificar o perfil dos visitantes do evento e medir a satisfação quanto às experiências vivenciadas. Ao todo, foram ouvidas cerca de 400 pessoas através de uma abordagem quantitativa. “Se compararmos com o ano passado, o perfil do público continua sendo predominantemente masculino, mas está mais jovem e com maior renda e escolaridade. As pessoas que vinham sozinhas ou em família preferem agora vir em casais ou num grande grupo de amigos”, analisa a executiva da AskNew, Janine Kuroski Fischer.

Festival2014b

O crescimento do Festival também pode ser notado pelo número de pessoas que vieram de outras cidades para prestigiar o evento, sejam turistas de Santa Catarina ou de todo o país. “O número aumentou de 54% para 57% em relação ao de moradores de Blumenau nesta edição, com destaque para sábado que teve 88% de turistas”, comenta a diretora da AskNew, Cristina Otte.

A ideia de medir a satisfação do público dá subsídios para analisar formas de agradar tanto profissionais da área quanto público em geral, conforme explica Cristina. “O evento está crescendo tanto em qualidade quanto em quantidade de público visitante. Mesmo com pontos a melhorar, tem que se comemorar a média geral superior ao ano passado, que aumentou de 5,77 para 5,83. Dois itens que auxiliaram na melhoria desta média foram o espaço do fluxo de pessoas e também a variedade da cerveja, fruto da ampliação do evento para os dois setores do Parque”.

Fonte: Oficina das Palavras

Pão e Cerveja: Programa 251 – Crowdfunding cervejeiro

Comentários
375 visitas

SocialBeers

CLIQUE AQUI PARA OUVIR

CLIQUE AQUI PARA OUVIR

Sem grana pra financiar a produção da sua cerveja? Os homebrewers Carlos Lima, Mateus Franco e Luiz Poppi usaram o sistema de crowdfunding pra buscarem financiamento coletivo para as suas brejas. Quer saber como isso funciona? Escute o programa e surpreenda-se com a criatividade do trio fundador do site Social Beers.

A coluna Pão & Cerveja vai ao ar todas as sextas-feiras às 11:45 da manhã pela rádio CBN de Belo Horizonte (106,1 FM). Ouça ao vivo o programa ou curta os programas anteriores gravados e disponibilizados aqui no blog pelo BREJAS.

Página 2 de 28812345...102030...Última »

Anuncie

Anuncie no Brejas e divulgue o seu negócio:

Baixe nosso Mídia Kit

Entre em contato: brejas@brejas.com.br

Cursos do Brejas

Participe dos cursos de cerveja do Brejas

  • Fabricação de Cerveja Caseira
  • Estilos e Degustação de Cerveja